icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
23/08/2015
08:09

Pode soar estranho, mas o Corinthians começa o segundo turno do Brasileirão, neste domingo, às 16h, contra o Cruzeiro, na Arena, tentando ajustar a sua defesa para seguir firme na liderança e rumo ao título nacional. O mais atento torcedor pode se espantar, afinal, a equipe é a menos vazada da competição até aqui, com apenas 14 gols sofridos em 19 rodadas. Mas o sinal de alerta tem justificativa: o Timão vive seu pior momento defensivo na temporada, tendo sofrido gols nas últimas quatro partidas (Santos, Avaí, Sport e São Paulo), algo até então inédito neste ano.

A força na marcação foi um dos pilares – senão o principal – para o Corinthians se sagrar campeão do segundo turno do Brasileirão de 2014 e do primeiro deste ano. Tite e seus comandados sabem que o “tri” (e consequentemente o título nacional) só virá se o ritmo for mantido nas 19 rodadas finais.

Há bons motivos para acreditar na volta da solidez defensiva alvinegra. Um deles é a força do time em casa., que estará cheia neste domingo. O Corinthians é o melhor mandante do campeonato, com incríveis 88,9% de aproveitamento. Isso serve de alento até para a partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, quarta-feira, contra o Santos, mas o clássico é assunto proibido no clube por ora.

– Depois do jogo contra o Santos, nós, jogadores, falamos que a partida de volta seria só na outra semana e que tínhamos um jogo complicado contra o Cruzeiro. Trabalhamos muito para chegar na liderança, então não podemos deixar escapar agora. É pensar no domingo, somos líderes do campeonato – disse o goleiro Cássio, titular nas duas campanhas vitoriosas do Timão.

Outro fator que pode ajudar o Timão nesta tarde é o mau desempenho ofensivo da Raposa, que marcou só 15 gols em 19 duelos, e o fato de os mineiros irem mal fora de casa. Foram sete derrotas em dez confrontos como visitante no Brasileiro. Se depender do Timão, o oitavo tropeço virá em Itaquera... mais uma vítima do Alvinegro?

Pode soar estranho, mas o Corinthians começa o segundo turno do Brasileirão, neste domingo, às 16h, contra o Cruzeiro, na Arena, tentando ajustar a sua defesa para seguir firme na liderança e rumo ao título nacional. O mais atento torcedor pode se espantar, afinal, a equipe é a menos vazada da competição até aqui, com apenas 14 gols sofridos em 19 rodadas. Mas o sinal de alerta tem justificativa: o Timão vive seu pior momento defensivo na temporada, tendo sofrido gols nas últimas quatro partidas (Santos, Avaí, Sport e São Paulo), algo até então inédito neste ano.

A força na marcação foi um dos pilares – senão o principal – para o Corinthians se sagrar campeão do segundo turno do Brasileirão de 2014 e do primeiro deste ano. Tite e seus comandados sabem que o “tri” (e consequentemente o título nacional) só virá se o ritmo for mantido nas 19 rodadas finais.

Há bons motivos para acreditar na volta da solidez defensiva alvinegra. Um deles é a força do time em casa., que estará cheia neste domingo. O Corinthians é o melhor mandante do campeonato, com incríveis 88,9% de aproveitamento. Isso serve de alento até para a partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, quarta-feira, contra o Santos, mas o clássico é assunto proibido no clube por ora.

– Depois do jogo contra o Santos, nós, jogadores, falamos que a partida de volta seria só na outra semana e que tínhamos um jogo complicado contra o Cruzeiro. Trabalhamos muito para chegar na liderança, então não podemos deixar escapar agora. É pensar no domingo, somos líderes do campeonato – disse o goleiro Cássio, titular nas duas campanhas vitoriosas do Timão.

Outro fator que pode ajudar o Timão nesta tarde é o mau desempenho ofensivo da Raposa, que marcou só 15 gols em 19 duelos, e o fato de os mineiros irem mal fora de casa. Foram sete derrotas em dez confrontos como visitante no Brasileiro. Se depender do Timão, o oitavo tropeço virá em Itaquera... mais uma vítima do Alvinegro?