icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
29/08/2015
10:38

Os judocas brasileiros estão eliminados das disputas nas competições individuais do Mundial de judô, que está sendo disputado no Cazaquistão. Neste sábado, as esperanças de medalhas para o Brasil, Luciano Correa (até 100kg) e David Moura (+100kg), perderam suas respectivas lutas e saíram do campeonato na segunda rodada.

No feminino, na categoria acima de 78kg, Rochele Nunes foi eliminada pela chinesa Sisi Ma na estreia dela na competição. Na mesma categoria, Maria Suelen Altheman, se machucou na luta de estreia contra a sul-coreana Minjeong Kim e deixou o campeonato. Agora, os brasileiros tentarão as competições por equipes.

Competições por equipe

Foram sorteadas na tarde deste sábado, as chaves da competição por equipes, previstas para serem disputadas neste domingo. Apenas 14 países vão disputar a chave no masculino. O Brasil vai enfrentar o Uzbequistão nas oitavas-de-final. Os uzbeques não conquistaram nenhuma medalha no Mundial Individual. Se passar pelos asiáticos, o Brasil vai enfrentar China ou Alemanha. Nas semifinais, os possíveis adversários são Japão, Cazaquistão ou Austrália.

Os cabeças-de-chave da competição foram definidos de acordo com o desempenho nos últimos dois campeonatos continentais, sendo o que o de 2014 só vale 50% dos pontos, e o último Campeonato Mundial. Como os homens venceram os dois últimos Pan-americanos e foram 5º em Chelyabinsk 14, saíram como cabeça-de-chave número 4. Japão, Rússia e Geórgia foram os outros. Entre as mulheres, França, Japão, Mongólia e Alemanha foram os países que encabeçaram o sorteio.

Feminino

No feminino, serão 15 países disputando as quatro medalhas. Eliminadas na primeira rodada no ano passado e vice-campeãs em 2013, as meninas terão uma pedreira pela frente: o poderoso time do Japão logo na estreia. Se passarem das oitavas-de-final, pegam Cuba ou China.

Os judocas brasileiros estão eliminados das disputas nas competições individuais do Mundial de judô, que está sendo disputado no Cazaquistão. Neste sábado, as esperanças de medalhas para o Brasil, Luciano Correa (até 100kg) e David Moura (+100kg), perderam suas respectivas lutas e saíram do campeonato na segunda rodada.

No feminino, na categoria acima de 78kg, Rochele Nunes foi eliminada pela chinesa Sisi Ma na estreia dela na competição. Na mesma categoria, Maria Suelen Altheman, se machucou na luta de estreia contra a sul-coreana Minjeong Kim e deixou o campeonato. Agora, os brasileiros tentarão as competições por equipes.

Competições por equipe

Foram sorteadas na tarde deste sábado, as chaves da competição por equipes, previstas para serem disputadas neste domingo. Apenas 14 países vão disputar a chave no masculino. O Brasil vai enfrentar o Uzbequistão nas oitavas-de-final. Os uzbeques não conquistaram nenhuma medalha no Mundial Individual. Se passar pelos asiáticos, o Brasil vai enfrentar China ou Alemanha. Nas semifinais, os possíveis adversários são Japão, Cazaquistão ou Austrália.

Os cabeças-de-chave da competição foram definidos de acordo com o desempenho nos últimos dois campeonatos continentais, sendo o que o de 2014 só vale 50% dos pontos, e o último Campeonato Mundial. Como os homens venceram os dois últimos Pan-americanos e foram 5º em Chelyabinsk 14, saíram como cabeça-de-chave número 4. Japão, Rússia e Geórgia foram os outros. Entre as mulheres, França, Japão, Mongólia e Alemanha foram os países que encabeçaram o sorteio.

Feminino

No feminino, serão 15 países disputando as quatro medalhas. Eliminadas na primeira rodada no ano passado e vice-campeãs em 2013, as meninas terão uma pedreira pela frente: o poderoso time do Japão logo na estreia. Se passarem das oitavas-de-final, pegam Cuba ou China.