icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
21/11/2014
11:47

Assim como fez durante a campanha do título brasileiro de 2013, o diretor de futebol do Cruzeiro, Alexandre Mattos, não deixou de convocar o torcedor celeste para entupir o Mineirão na partida que pode dar mais uma taça para a Raposa. Neste domingo, os comandados de Marcelo Oliveira só dependem de si para gritar tetracampeão dentro do Mineirão. Basta vencer o Goiás ou contar com um tropeço do São Paulo, que enfrenta o Santos.

- A torcida merece que seja debaixo dela. Quero o Mineirão abarrotado, com muita alegria, isso nos dá muita força. É um momento que pode se tornar histórico, no ano passado foi fora de casa, este ano temos tudo para concretizar ao lado do nosso torcedor - falou o diretor, relembrando o título de 2013, que veio com o triunfo sobre o Vitória, em Salvador.

E a convocação deu certo. Ainda na noite da última quinta-feira, minutos depois da vitória por 2 a 1 diante do Grêmio, o site do sócio torcedor do Cruzeiro já estava congestionado, por conta dos alto número de torcedores em busca do ingresso. No início desta sexta, as filas já percorriam o entorno do Mineirão, com preços que variam de R$50 a R$200.

- Quero fazer dois pedidos: esgotarem os ingressos até sexta, durante a madrugada, os sócios já podem comprar, e que os torcedores compareçam em peso ao aeroporto nesta sexta, esses heróis merecem nosso carinho. Este grupo e este presidente merecem este título, que está muito próximo da gente - completou Mattos, em entrevista à Rádio Itatiaia.

A delegação celeste deixa a capital gaúcho por volta das 14h30 desta sexta. A chegada prevista para desembarcar em Belo Horizonte é às 18h43.