icons.title signature.placeholder Fellipe Lucena e Thiago Ferri
06/02/2015
07:02

Cleiton Xavier foi anunciado como reforço do Palmeiras às 18h30 dessa quinta-feira, mas a contratação estava praticamente descartada às 15h59. Por volta das 16h, o diretor de futebol Alexandre Mattos recebeu uma mensagem no celular: era um dos empresários do meia, perguntando até quanto o Verdão poderia gastar. A partir daí, a negociação durou uma hora.

- O Cleiton Xavier para mim foi uma agradável surpresa - admitiu o técnico Oswaldo de Oliveira.

O desejo do presidente Paulo Nobre, que é amigo do jogador e já tentou repatriá-lo outras vezes, teve grande influência na negociação conduzida por Mattos. Na quarta-feira, um dia depois de Cleiton Xavier rescindir com o Metalist (UCR) na Justiça por causa de salários atrasados, o Palmeiras procurou Márcio Rivellino e Renato Figueiredo, agentes do jogador, para saber a pedida de luvas e salários.

Ao tomar conhecimento dos valores - e da concorrência de outros clubes, principalmente o Cruzeiro -, Mattos avisou que não seria possível dar sequência às conversas. Ele entendia que o elenco já estava pronto para o primeiro semestre e que não valeria a pena entrar em leilão agora. Mas a negociação foi reiniciada pouco antes da partida contra a Ponte Preta, com a mensagem no celular do dirigente. 

Qual o motivo da reaproximação? A vontade de Cleiton Xavier. Sem muita dificuldade, o Palmeiras o convenceu a ganhar menos do que receberia em outros clubes e a se enquadrar no conceito da produtividade. O principal argumento: a manifestação da torcida nas redes sociais desde que ele se desvinculou do Metalist (UCR) era muito positiva. Cleiton já percorreu parte do caminho para ser ídolo - fez 16 gols em 90 jogos pelo clube entre 2009 e 2010 - e isso foi usado como trunfo.

O 19º reforço do Alviverde para 2015 fará exames na tarde desta sexta-feira. Na sequência, assinará um contrato válido por três temporadas. É provável que ele seja apresentado no Allianz Parque, horas antes do Dérbi de domingo, com a camisa 8 que hoje é de Mendieta. O paraguaio deve ser emprestado nos próximos dias.