icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/11/2014
08:46

O governo do Marrocos decidiu manter o seu pedido para que o início da Copa Africana de Nações (CAN) seja postergado. Os marroquinos temem por uma propagação do vírus Ebola durante o torneio.

Ao mesmo tempo, o Ministério dos Esportes do Marrocos deixou claro à agência de notícias EFE que o país não renunciou à organização do campeonato. Inicialmente a competição seria disputada entre 17 de janeiro e 8 de fevereiro do próximo ano.

A Confederação Africana de Futebol (CAF) decidiu na última segunda-feira que as datas da Copa Africana de Nações estavam mantidas, e deu ao Marrocos o prazo até este domingo para que o país decida se sediará ou não o torneio. Uma decisão final da CAF será dada na próxima terça-feira.

A entidade que comanda o futebol africano garante que está tomando todas as precauções para que o Ebola não se alastre durante a CAN. O organismo diz que segue as medidas da Organização Mundial de Saúde (OMS).