icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
09/02/2015
16:53

A vitória do Coritiba sobre o Operário, no último sábado, por 3 a 1, não foi uma exibição do melhor futebol da equipe, mas os três pontos conquistados pelo Coxa foram valorizados pelo técnico Marquinhos Santos.

Mas a performance não-estelar do time alviverde também rendeu numa reprimenda do treinador com a zaga do Coritiba. Segundo Marquinhos Santos, apesar do time ter vencido as três partidas que disputou, também levou gols em todas as rodadas, e o técnico pediu mais atenção aos defensores.

- O time teve uma boa apresentação, mas há um ponto a se destacar, foi o terceiro gol sofrido em três jogos, temos que ajustar o sistema defensivo. Não foi um jogo bonito ou técnico, foi brigado e disputado, mas o grupo teve comprometimento e profissionalismo. Mesmo no gol do Operário-PR o time teve um comportamento que me agradou em buscar a vitória novamente em casa.

Mesmo com uma performance abaixo do esperado, Marquinhos valorizou os três pontos conquistados, pois acredita que pode ajudar na confiança do elenco ao longo da temporada.

- Temos que valorizar a vitória. Às vezes mais sentimos a derrota do que valorizarmos a vitória. Nesse início é de suma importância começar vencendo porque dá confiança e amadurecimento para esse grupo, que tem se dedicado dia após dia. Jamais reclamaram de uma ação nossa, de nenhum treinamento, todos com disposição e procurando a evolução em prol do Coritiba - finalizou.

O Coritiba volta a jogar na quarta-feira, contra o Foz do Iguaçu, no estádio do ABC, às 22h da noite, em duelo válido pela quarta rodada do Paranaense.