icons.title signature.placeholder Marcio Porto
21/11/2014
11:03

O departamento de marketing do São Paulo diz que já tem alternativas para não ficar atrás da nova arena do Palmeiras no aluguel de shows. Uma delas é comercializar 1.200 lugares em camarotes do Morumbi que, segundo a diretoria, não eram aproveitados pela gestão anterior.

A venda dos bilhetes para estes setores deve render, segundo o clube, cerca de R$ 600 mil líquidos. Com esse acréscimo, o valor do aluguel do estádio poderia cair, facilitando para interessados em realizar shows.

Para 2015, o Morumbi já está certo para receber a banda Foo Fighters, em janeiro, e tem mais quatro no gatilho, segundo o clube. O discurso, no entanto, é de privilegiar o futebol se houver problema com calendário. Existe também a possibilidade de o estádio ser fechado para reforma a partir do ano que vem, caso o presidente Carlos Miguel Aidar consiga aprovar no Conselho um projeto de cobertura.

A Allianz Arena, inaugurada na última quarta-feira, com a derrota do Palmeiras por 2 a 0 para o Sport, já tem shows de Paul McCartney e Roberto Carlos agendados. O estádio deve tomar a dianteira na realização de eventos, pela excelente estrutura, ser novidade, ter fácil acesso, entre outras qualidades.