icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/12/2013
17:56

A Portuguesa foi novamente derrotada na segunda e última instância no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e, com isso, perdeu quatro pontos no Campeonato Brasileiro e, consequentemente, foi rebaixada para a Série B em 2014, devido a escalação irregular de Héverton, porém ainda estuda formas de tentar mudar a decisão do tribunal.

Ir a Justiça Comum e à Corte Arbitral do Esporte (CAS) são as duas única possibilidades da equipe paulista. De acordo com Mário Bittencourt, advogado do Fluminense, mesmo que a Portuguesa faça qualquer uma das decisões, o Campeonato Brasileiro já terá começado quando a possível decisão será divulgada.

MAIS FLUMINENSE
> Turnê mundial da base do Fluminense está confirmada para 2014
> Empresário cobra o Fluminense por venda de Wellington Nem
> Flu tem atraso na bolsa-auxílio de jogadores da base tricolor
> Fred tem pior temporada no Flu, mas termina bem na Seleção
> Flu não resolve penhoras e aval da Procuradoria fica para 2014

- Eles só podem ir à Justiça Comum depois de irem ao CAS. Mas a decisão do CAS demora a sair e, se abrirem para irmos lá falar, pode ter certeza que o Campeonato já vai ter começado. O CAS não vai tirar uma decisão da Justiça Desportiva brasileira que foi dada dentro dos conformes e da legislação previstas no nosso código. Vamos ver o que a nova diretoria lá vai fazer – disse Mário, à Rádio Globo, lembrando que o CAS tem seu tempo para julgar os casos, mas duvida que haja qualquer mudança na decisão do STJD, e que em 2014 a equipe paulista estará sob nova direção.