icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
17/11/2014
08:17

Quando deixou o Real Madrid, o meia-atacante Di María era apontado como o melhor jogador do elenco depois de Cristiano Ronaldo. Valorizado, o argentino não acertou a permanência no clube e acabou se transferindo para o Manchester United, clube pelo qual ainda não mostrou serviço. Nesta segunda-feira, no entanto, ele revelou que não se arrependeu de ter saído do Santiago Bernabéu, apesar da má fase em Old Trafford.

- Não tenho arrependimento. Estou feliz no United. Pelo Real, ganhei tudo. Na Inglaterra, o futebol é diferente, mas estou feliz - insistiu o camisa 7 dos Red Devills e da seleção argentina numa entrevista a um canal francês.

Di María contou que quase foi parar no Paris Saint-Germain. E afirma que não teria sido uma má ideia.

- Só não fui contratado porque o PSG estava proibido de gastar muito. Eles tinham o dinheiro, mas enfrentaram esse problema com a Uefa. Jogar a liga francesa seria uma ótima experiência. Sou jovem. Quem sabe não vou para o clube algum dia?