icons.title signature.placeholder Thiago Fernandes
icons.title signature.placeholder Thiago Fernandes
30/07/2013
09:31

Um dos pilares do Cruzeiro no Campeonato Brasileiro, Ricardo Goulart demonstra estar mais à vontade em campo. Deslocado para o lado direito do setor ofensivo, ele volta à posição em que se destacou com as cores do Goiás. Embora esteja atuando pelos flancos, o meia-atacante tem liberdade para se aproximar de Vinícius Araújo, centroavante da equipe.

Em entrevista ao LANCE!Net, o camisa 31 explica que as conversas com o técnico Marcelo Oliveira são fundamentais para o seu bom momento.

– Eu me sinto mais à vontade. O Marcelo (Oliveira) sempre conversa conosco, pede para que ajudemos na marcação e nos dá liberdade de movimentação no ataque. Nosso quarteto (Éverton Ribeiro, Ricardo Goulart, Luan e Vinícius Araújo) muda constantemente de posição – revelou.

E MAIS:
> Por força contratual, Martinuccio não enfrenta o Fluminense nesta quarta
> Cruzeiro ironiza Libertadores do Atlético-MG: ‘Eu tenho duas, e você?’
> Mayke tem evolução clínica, mas ainda é dúvida para jogo com o Flu

Na atual edição do Brasileiro, Ricardo Goulart balançou as redes adversárias em três oportunidades. Ele é vice-artilheiro do time, atrás somente de Luan, com quatro. O fato é enaltecido pelo apoiador.

– É sempre muito bom fazer gols. Quando a gente bota a bola na rede, a sensação é diferente. Fico feliz por ser um dos artilheiros da equipe no torneio. É um momento muito legal da minha carreira – concluiu.

Os números de Ricardo Goulart na temporada são ainda mais convincentes que no Campeonato Brasileiro. Se somados todos os feitos, incluindo Estadual e Copa do Brasil, ele tem 21 jogos, sete gols e três assistências.

Um dos pilares do Cruzeiro no Campeonato Brasileiro, Ricardo Goulart demonstra estar mais à vontade em campo. Deslocado para o lado direito do setor ofensivo, ele volta à posição em que se destacou com as cores do Goiás. Embora esteja atuando pelos flancos, o meia-atacante tem liberdade para se aproximar de Vinícius Araújo, centroavante da equipe.

Em entrevista ao LANCE!Net, o camisa 31 explica que as conversas com o técnico Marcelo Oliveira são fundamentais para o seu bom momento.

– Eu me sinto mais à vontade. O Marcelo (Oliveira) sempre conversa conosco, pede para que ajudemos na marcação e nos dá liberdade de movimentação no ataque. Nosso quarteto (Éverton Ribeiro, Ricardo Goulart, Luan e Vinícius Araújo) muda constantemente de posição – revelou.

E MAIS:
> Por força contratual, Martinuccio não enfrenta o Fluminense nesta quarta
> Cruzeiro ironiza Libertadores do Atlético-MG: ‘Eu tenho duas, e você?’
> Mayke tem evolução clínica, mas ainda é dúvida para jogo com o Flu

Na atual edição do Brasileiro, Ricardo Goulart balançou as redes adversárias em três oportunidades. Ele é vice-artilheiro do time, atrás somente de Luan, com quatro. O fato é enaltecido pelo apoiador.

– É sempre muito bom fazer gols. Quando a gente bota a bola na rede, a sensação é diferente. Fico feliz por ser um dos artilheiros da equipe no torneio. É um momento muito legal da minha carreira – concluiu.

Os números de Ricardo Goulart na temporada são ainda mais convincentes que no Campeonato Brasileiro. Se somados todos os feitos, incluindo Estadual e Copa do Brasil, ele tem 21 jogos, sete gols e três assistências.