icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/03/2014
06:55

O primeiro projeto de estádio do Corinthians que se tem notícia é de 1968. Até imagens da maquete do Corintião foram expostas pelo clube, mas foi um fracasso. Ele seria construído no Parque São Jorge, mas foi abandonado por falta de dinheiro.

Entre o fim da década de 1970 e início de 1980, o então presidente Vicente Matheus apostou no Coringão 2, desta vez em Itaquera, local onde está sendo erguida a Arena Corinthians. Durou até 1983, mas também fracassou.

As parcerias com fundos de investimento também alimentaram o sonho dos corintianos. Entre o fim dos anos 1990 e início dos anos 2000, com o fundo americano da Hicks Muse Tate & Furst, até um terreno na Rodovia Raposo Tavares foi comprado por R$ 48 milhões. A Hicks havia contratado o engenheiro Marcelo Tessler para tocar o projeto. Não foi para frente...

Entre 2008 e 2010, durante a gestão de Andrés Sanchez e com a confirmação da Copa do Mundo no Brasil, vários projetos foram apresentados ao Corinthians. Um deles contava com um estádio na Marginal Tietê, na Zona Leste de São Paulo, próximo à Rodovia Presidente Dutra. Outro, também  concorrente ao da Arena Corinthians, seria em um terreno na região de Pitrituba, na Zona Oeste, e teria apoio da Prefeitura.

Houve projeto até de torcedores do Timão. Ideia era captar recursos e construir estádio para entregar ao Corinthians. Fracassou rapidamente...