icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/11/2013
17:19

Nos últimos anos, os gigantes Arsenal e Liverpool foram forças periféricas dentro do Campeonato Inglês. Nesta temporada, porém, os dois vêm provando que voltaram à disputa do título nacional. Prova disso foi o ótimo nível do encontro entre as duas equipes neste sábado. Em jogo bastante movimentado, prevaleceu o líder Arsenal, que venceu em casa por 2 a 0.

Com o resultado e os 25 pontos alcançados, os Gunners estenderam sua vantagem na liderança da Premier League para cinco, já que o vice-líder Chelsea, 20 pontos,  perdeu no início da rodada para o Newcastle. Já o Liverpool segue na terceira colocação, também com 20 pontos mas perdendo no saldo de gols para os Blues.

O primeiro tempo começou com as duas equipes se respeitando bastante. Aos poucos, porém, o Arsenal começou a tomar conta da partida. Cazorla, que vinha mal até então, cabeceou cruzamento de Ramsey e a bola bateu na trave. Ela voltou para os pés do espanhol que desta vez não perdoou e abriu o placar.

A segunda etapa começou ainda no intervalo quando o técnico Brendan Rodgers tirou Cissokho, em atuação pouco inspirada, e colocou o brasileiro Philippe Coutinho. Mesmo ainda voltando de lesão no ombro, o camisa 10 do Liverpool mudou o ritmo do jogo e os Reds passaram a dominar as ações. Quando o Arsenal equilibrou tudo, porém, veio a pintura. Ramsey recebeu na entrada da área, matou a bola e soltou um petardo sem chances para Mignolet. Golaço, três pontos no bolso e cinco de vantagem na liderança.