icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/02/2015
08:55

Mais um francês está fora das próximas eleições da Fifa. Depois do ex-jogador David Ginola, nesta segunda-feira, foi a vez de Jérôme Champagne bater em retirada.

- Lamento ter que anunciar que não consegui as cinco associações necessárias para registrar minha candidatura - explicou o ex-candidato ao pleito do dia 29 de maio.

E MAIS

HOME: Veja as últimas notícias do futebol internacional
Empresário de Ibra e Balotelli: 'Guardiola é uma m...'

Champagne era um aliado de Joseph Blatter dentro da organização. O francês começou no Comitê Organizador Local da Copa de 1998 e logo depois foi para a Fifa. Entre 2002 e 2005, ele manteve a posição de secretário-geral interino da entidade, mas sua relação com o mandatário suíço teria piorado após a escolha de Jérôme Valcke para a posição de secretário-geral definitivo. Em 2010, o francês deixou a organização mundial.

Josep Blatter tentará, agora, a quarta reeleição contra o ex-jogador português Luis Figo, o presidente da federação holandesa, Michael van Praag, e o príncipe da Jordânia, Ali bin Al Hussein.