icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/02/2015
14:52

Membro do Comitê Organizador da Copa do Mundo de 2018, o bilionário Alisher Usmanov emprestou 5,1 milhões de euros (R$ 16 milhões) à Federação Russa de Futebol (RFU) para que a entidade pague o salário atrasado do técnico da seleção do país, Fabio Capello. Em 2012, o italiano assinou contrato para virar o treinador mais bem pago do mundo.   

- Como membro do Comitê, tenho que apoiar o técnico Fabio Capello - justificou o magnata.

E MAIS

HOME: Veja as últimas notícias do futebol internacional
Jogador croata: 'No Barcelona, até pum vira notícia'

Em seguida, Usmanov não poupou a Federação Russa de críticas duras.

- A situação chegou a um ponto de ser absurda. É a demonstração de incompetência dos dirigentes da RFU - disse o homem mais rico da Rússia, segundo a revista "Forbes".

O assunto também chegou à Uefa. Preocupado com a imagem do Mundial de 2018, Platini também cobrou dos russos o pagamento atrasado de Fabio Capello.