icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/03/2014
22:58

O Santos não foi o mesmo das goleadas arrasadoras sobre Corinthians, Botafogo e Bragantino. Muito menos se abalou ao sair perdendo como nos 4 a 1 sofridos para o Penapolense. Mais maduro em campo, e agora classificado para as quartas de final, o Peixe soube ser racional na noite desta quinta-feira no Romildão e buscou a reação sobre o Mogi Mirim para vencer de virada por 5 a 2 em duelo válido pela 12ª rodada do Campeonato Paulista. O time da Vila Belmiro agora soma 30 gols no Estadual - foi a quarta vez que o Peixe marcou cinco vezes em uma partida na competição. 

A primeira etapa poderia ter sido desastrosa para os comandados de Oswaldo de Oliveira. Os alvinegros aceitavam a marcação do Sapão e foram punidos pelo belo gol de letra do veterano Fernando Baiano, aproveitando vazio na esquerda da defesa deixado pelo atendimento médico a Emerson. Cícero e Leandro Damião pareciam presos ao gramado, enquanto Thiago Ribeiro e Gabriel erravam a maioria dos lances.

A solução foi Emerson abandonar a lateral e arrancar pelo meio. Thiago desta vez acertou e achou Gabriel na área. O garoto não só acertou como caprichou ao rolar de calcanhar para o próprio Emerson estudar as redes. O empate deu tranquilidade para o Santos colocar a bola no chão e virar com dez minutos do segundo tempo. Com gol de oportunismo de Leandro Damião em rebote de Cícero.

Os donos da casa esboçaram reação quando Magrão, substituto de Fernando Baiano, empatou. Igualdade que não durou um minuto graças ao chute seco de Rildo, escolhido por Oswaldo para o lugar de Geuvânio. O Mogi, sob olhares preocupados do presidente Rivaldo, se atirou ao ataque e deixou caminho aberto para Arouca encontrar voleio em confusão na área anotar o dele. Já nos minutos finais, Lucas Lima recebeu de Cicinho e sacramentou a virada com goleada santista.

Na próxima rodada, a 13ª do Paulistão, o Santos, agora com 29 pontos volta à Vila Belmiro para receber o Oeste. O duelo com a equipe de Itápolis, o vice-lanterna do estadual, deve garantir ao Peixe a primeira posição do Grupo C e está marcado para as 18h30 de domingo. No mesmo dia e horário, o Mogi Mirim, que tem 12 pontos no Grupo D, viaja para o ABC Paulista para encarar o São Bernardo no estádio 1º de Maio e deixar a zona de rebaixamento mais longe.

FICHA TÉCNICA:
MOGI MIRIM 2 x 5 SANTOS
 
Estádio: Romildão, Mogi Mirim (SP)
Data/hora: 06/03/2014 - 21h (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo
Auxiliares: Vicente Romano e Tatiane Santos
Renda/Público: não divulgados

Cartões amarelos: Geuvânio, Cícero, Rildo, Aranha (SAN) / Edson Ratinho (MOG)

GOLS: Fernando Baiano, 22'/1º (1-0); Emerson, 41/1º (1-1); Leandro Damião, 10'/2º (1-2); Magrão, 21'/2º (MOG), Rildo, 22'/2º (2-3); Arouca, 36'/2º(2-4), Lucas Lima, 46'/2º (2-5)

MOGI MIRIM: Reynaldo; Valdir, Wagner (Alemão - 30'/2º), Mirita, Leonardo; Edson Ratinho, Olberdan, Everton Sena, Everton Heleno (Rivaldo Júnior - 38'/2º); Serginho e Fernando Baiano (Magrão - 15'/2º). Técnico: Márcio Goiano.
 
SANTOS: Aranha, Cicinho, Neto, Jubal, Emerson, Arouca, Cícero e Gabriel (Lucas Lima - 36'/2º); Geuvânio (Rildo - 15'/2º), Thiago Ribeiro e Leandro Damião (Stéfano Yuri - 43'/2º). Técnico: Oswaldo de Oliveira..