icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/11/2013
13:25

Na decisão desta quarta-feira, contra o Atlético-PR, às 21h50, o Flamengo vai reencontrar um velho conhecido: o zagueiro Luiz Alberto. Revelado na Gávea, o defensor que jogou pelo Rubro-Negro carioca de 1993 a 2000 e já disputou uma final de Copa do Brasil pelo Fla, em 1997 (quando a equipe perdeu o título para o Cruzeiro), destacou as dificuldades de disputar uma final no Maracanã e garantiu que o Furacão vai dar o máximo pelo título.

- É sempre difícil jogar uma final no Maracanã. Eu já tive essa oportunidade (em 1997) e sei da importância de uma disputa como essa. Temos que ter foco total e aquele empenho das demais partidas. É o último jogo e vamos dar o máximo, sair de campo exaustos – disse, ao site oficial do Atlético-PR.

Luiz Alberto tem passagens por clubes do futebol europeu e denfedeu grandes equipes do futebol brasileiro ao longo de sua carreira. Após atuações fracas pelo Boca Juniors, ele retornou ao futebol brasileiro e passou por clubes como Duque de Caxias e Boavista. Agora, pelo Furacão, reencontrou o bom futebol e vive boa fase.

Pelo Flamengo, o jogador disputou 167 jogos e conquistou seis títulos. Desde que chegou ao Atlético-PR, no fim da última temporada, ainda não levantou nenum caneco e tem a oportunidade de fazê-lo nesta quarta.     

Como a primeira partida, em Curitiba (PR), terminou em 1 a 1, o Flamengo pode empatar sem gols para se tornar o campeão. Já o time paranaense necessita de um empate com, no mínimo, dois gols para cada lado. Por outro lado, quem vencer o duelo leva a taça. Se o placar do primeiro jogo for repetido, o título será decidido nos pênaltis.