icons.title signature.placeholder Eduardo Mendes
15/11/2014
10:03

Na primeira oportunidade com Dunga, Luiz Adriano foi titular, mas não conseguiu marcar na goleada por 4 a 0 sobre a Turquia. Convocado depois de marcar nove gols na fase de grupos da Champions League, o badalado atacante do Shakhtar Donetsk minimiza qualquer tipo de pressão em relação às cobranças pelos gols.

O primeiro objetivo do jogador é contribuir para o resultado positivo, lembrando do espírito coletivo defendido por Dunga.

- O que convence o torcedor brasileiro são as vitórias. Ele gosta disso e o importante é sempre vencer. No momento certo a bola vai chegar, eu vou finalizar e sairá o gol. Tem de ter paciência com isso e trabalhar para fazer o gol quando a bola chegar na área - comentou o atacante.

Apesar de não ter balançado redes em Istambul, Luiz Adriano avalia a participação dele como positiva, especialmente em relação aos pedidos feitos por Dunga antes do jogo.

- O professor pede do centroavante movimentação para abrir o espaço para os outros jogadores. Estamos trabalhando e conseguimos o espaço para os outros jogadores finalizarem. O que importa foi a vitória - disse.

O Brasil voltará a campo na terça-feira para enfrentar a Áustria, em Viena. O técnico Dunga comandará mais três treinamentos antes do jogo que marcará a despedida da Seleção de 2014.