icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
31/07/2013
20:13

Se ainda existia alguma possibilidade do São Paulo contratar o lateral-direito Luis Ricardo, ela acabou nesta quarta-feira, já que o jogador fez seu sétimo jogo pela Portuguesa no Campeonato Brasileiro, no duelo contra o Criciúma.

Os dois clubes negociaram, mas o Tricolor pediu para a Lusa esperar o retorno da delegação da excursão à Europa e ao Japão para definir. Porém, a direção rubro-verde não aceitou e o jogador foi reintegrado ao elenco.

Dessa forma, além de uma possível transferência para o exterior, Luis Ricardo só poderá ser negociado com clubes das divisões menores do país.

O Palmeiras chegou a negociar com a Lusa, ofereceu jogadores em troca, mas eles não aceitaram atuar pela Portuguesa. Mesmo tendo acertado tudo com o lateral, quando a negociação passou a envolver apenas dinheiro não houve acordo entre os dois clubes.

A vontade de Luis Ricardo era acertar com algum dos dois clubes. Ele renovou contrato recentemente com a Lusa até 2016 e a diretoria prometeu que não impediria a saída dele.

Se ainda existia alguma possibilidade do São Paulo contratar o lateral-direito Luis Ricardo, ela acabou nesta quarta-feira, já que o jogador fez seu sétimo jogo pela Portuguesa no Campeonato Brasileiro, no duelo contra o Criciúma.

Os dois clubes negociaram, mas o Tricolor pediu para a Lusa esperar o retorno da delegação da excursão à Europa e ao Japão para definir. Porém, a direção rubro-verde não aceitou e o jogador foi reintegrado ao elenco.

Dessa forma, além de uma possível transferência para o exterior, Luis Ricardo só poderá ser negociado com clubes das divisões menores do país.

O Palmeiras chegou a negociar com a Lusa, ofereceu jogadores em troca, mas eles não aceitaram atuar pela Portuguesa. Mesmo tendo acertado tudo com o lateral, quando a negociação passou a envolver apenas dinheiro não houve acordo entre os dois clubes.

A vontade de Luis Ricardo era acertar com algum dos dois clubes. Ele renovou contrato recentemente com a Lusa até 2016 e a diretoria prometeu que não impediria a saída dele.