icons.title signature.placeholder Fellipe Lucena
20/07/2014
19:22

O Palmeiras pode ter dois problemas para o jogo de quarta-feira, contra o Avaí, pela terceira fase da Copa do Brasil. O volante Eguren sentiu o músculo adutor da coxa direita ainda no primeiro tempo, foi substituído por Felipe Menezes e já está praticamente vetado. Já o zagueiro Lúcio saiu do Pacaembu direto para o Hospital Albert Einstein, onde passou por uma tomografia na cabeça.

O camisa 3 alega que levou uma cotovelada de Manoel durante o jogo, mas o que o deixou com o olho muito inchado foi um choque de cabeça. Ele chegou a sinalizar a Gareca que não tinha condições. O técnico chamou o jovem Gabriel Dias, mas desistiu. Até a publicação desta nota, o resultado do exame não havia sido divulgado.

Lúcio não parou para falar com os jornalistas, mas quem estava no vestiário conta que ele estava reclamando de maldade do adversário no lance. Em seu Twitter, o zagueiro reclamou do árbitro da partida e lamentou a derrota.

"Triste por perder um jogo que jogamos bem. Sabemos que temos que melhorar. Decepção por depender de uma arbitragem precária", disse o jogador em sua página oficial.

Eguren também não quis falar e saiu andando com dificuldade, visivelmente abatido.

- É muscular - resumiu, ao ser questionado.

A nova comissão técnica do Verdão tem métodos diferentes da anterior. Depois do jogo, os atletas que não atuaram fazem atividades com bola no vestiário para manterem a forma.

Atualizado às 20h10