icons.title signature.placeholder Lucas Faraldo
15/11/2014
07:01

Luciano deve substituir Guerrero no jogo deste domingo, às 17h, contra o Bahia, na Fonte Nova, pelo Brasileirão. Esta não será a primeira vez que o atacante de 21 anos terá a missão de jogar como último homem do ataque alvinegro. O problema é que o camisa 18 tem tido dificuldade quando atua como titular, mas não exatamente pelo fato de ser um meia de origem.

Contratado pelo Corinthians no início deste ano, Luciano não demorou para mostrar seu faro de gol. Em seu segundo jogo com a camisa do Timão, no fim de fevereiro, contra o Comercial, bastaram 48 minutos para o então reserva balançar as redes duas vezes. De lá para cá, porém, o atacante se especializou em fazer gol quando sai do banco. Em jogos oficiais, são nove tentos como reserva e quatro como titular.

Mesmo com a “sina do banco de reservas”, Luciano é o atual artilheiro do Corinthians na temporada, com 15 gols (dois foram marcados em amistosos contra Atlético-PR e Uberaba). Guerrero vem logo atrás, com 14. A missão do atacante em Salvador, agora, é clara: dar um tempo na alcunha de talismã e se firmar como titular. Este é o seu desejo desde que começou a se destacar na equipe.

– Estou trabalhando para isso (conquistar espaço no time titular), estou sendo iluminado, mas vamos deixar isso na mão do professor. Trabalhando eu estou, mas os outros estão bem também – afirmou Luciano, depois de sair do banco de reservas e marcar o gol da vitória do Corinthians sobre o Cruzeiro, no Mineirão, no último dia 8 de outubro.

– Quando a bola procura o atleta, ele tem parcela importante: o posicionamento. A bola não procurou Pelé mais de mil vezes por simpatia – disse Mano Menezes na ocasião.

Entre gols, sorte, falta de concorrência e elogios, cabe a Luciano se tornar estrela... do time titular!

ÚNICOS GOLS COMO TITULAR

Corinthians 3x0 Comercial
Luciano entrou aos 39 minutos do primeiro tempo na vaga do lesionado Guerrero. Recém-contratado do Avaí, o camisa 18 precisou de apenas dois minutos para anotar seu primeiro gol pelo Timão, após jogada de Ralf e cruzamento de Uendel. Já nos minutos finais da partida, Luciano voltou a aprontar. O camisa 18, cara a cara com o goleiro, bateu no cantinho, anotando seu segundo tento pelo Timão.

Bahia de Feira 0x2 Corinthians
Em jogo com Luciano e Romarinho inspirados, coube ao camisa 18 anotar os dois gols da vitória (e da classificação à segunda fase da Copa do Brasil). Após dominar chutão de Cleber, Romarinho deu preciso passe para Luciano, que não perdoou. Já no finzinho do jogo, Romarinho lançou Uendel, que bateu forte para o gol. O goleiro deu rebote e lá estava Luciano para anotar mais um tento.

FOOTSTATS LUCIANO NO BRASILEIRÃO

Jogos    29
Gols    6
Cartões    5
Chutes    35
Chutes certos    17
Perdas de bola    82 (2,8)
Desarmes    15 (0,5)
Dribles    19 (0,7)
Posse de bola    15’18 (31’’)
Faltas cometidas    28 (1)
Faltas sofridas    30 (1)