icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/03/2014
09:32

O Botafogo ainda busca reforços para alguns setores. Mas na lateral direita, o técnico Eduardo Hungaro parece estar bem tranquilo. Se o titular Edilson vinha tendo boas atuações na Copa Libertadores, Lucas, que figurava entre os 11 até se machucar logo no início do Brasileirão do ano passado, mostrou contra o Independiente del Valle (EQU) que também pode brigar pela posição.

Dor de cabeça "boa" para o técnico Eduardo Hungaro? Lucas espera que a atuação tenha colocado alguma dúvida no treinador. Ou que pelo menos tenha servido para mostrar que, quando precisar...

E MAIS
- Em rede social, Edilson provoca Flamengo por derrota na Libertadores
- Baita prejuízo: Botafogo estima perdas de R$ 45 milhões sem o Engenhão

– O Duda sabe da minha forma de trabalhar, de como levo os treinamentos e jogos. E confio muito nele. Estamos aqui para deixar a cabeça do técnico assim mesmo. Todos da reserva têm de pensar assim, em ter a confiança do técnico. Ter a confiança em dois atletas da posição é importante, só faz o Botafogo crescer – disse o lateral alvinegro.

Em um primeiro momento, até pelas boas atuações na temporada, Edilson dificilmente perderá a posição. Mas Lucas deve ter mais uma boa chance como titular.

Afinal, o camisa 3, que não jogou na terça-feira e deu a vaga para Lucas, também está suspenso da próxima partida, dia 2 de abril, contra o Unión Española (CHI), no Maracanã. Isso porque no jogo contra o Independiente del Valle, no Equador, ele recebeu o terceiro cartão amarelo e, em seguida, o vermelho. Portanto, desfalcará a equipe em duas rodadas na Libertadores. Será que vai aumentar essa dor de cabeça, Hungaro?

Concorrentes juntos em campo?

Um ou outro, mas porque não os dois juntos? Questionado sobre a possibilidade de ser deslocado para outra função para poder atuar com Edilson, Lucas afirmou que, apesar de a lateral direita ser a posição de origem, pode ajudar também no meio de campo, caso o treinador necessite, futuramente.

– Temos de jogar onde nos colocar. Não é a minha posição e onde fico confortável. Já jogo há muito tempo na lateral. Mas se optar por isso, vou dar o meu melhor para o Botafogo – disse Lucas.