icons.title signature.placeholder Luis Fernando Coutinho
14/12/2013
15:21

Nem todo campeão do Ultimate vive cercado de mídia e atenção sempre que sai de casa. No caso de Demetrious Johnson, campeão peso-mosca do evento, o assédio de imprensa e fãs ainda é tímido. Apesar de ocupar o posto de dono de um dos cinturões da maior organização de MMA do mundo, o americano de 27 anos não tem a expressão de outros campeões. E se engana quem pensa que isso o incomoda. Antes do UFC Fight Night no Combate: Johnson x Benavidez, que acontece neste sábado, em Sacramento (EUA), o lutador falou sobre o desafio que terá pela frente, sua carreira e a posição que ocupa dentro do show.

Em entrevista exclusiva ao LANCE!Net, Demetrious revelou que, além de não se incomodar com os compromissos de campeão, não faz questão de ser popular como outros nomes da franquia. Seu foco não é bater recordes ou marcas, e, sim, lutar para defender o futuro de sua família.

- Meu objetivo é me manter saudável, fazer boas lutas e continuar construindo meu futuro, dando uma vida confortável para a minha família. Quero ter uma carreira de sucesso. Apenas isso. Sou campeão do UFC e sei que meu jogo tem de ser me manter no topo. Mas não tenho medo de ser batido ou algo do tipo. Estou apenas focado em me manter saudável e ter certeza de que vencerei minhas lutas. Ser campeão do UFC é ótimo. Mas, para mim, sou apenas um homem tentando manter meu cinturão e o sustento da minha família. Ser campeão é demais, mas algumas vezes é um trabalho difícil, que faz parte do jogo - avaliou o peso-mosca, em conversa por telefone com o L!Net.

Nem mesmo os compromissos com a mídia sufocam Johnson. O campeão reconhece que essa é uma das partes difíceis do negócio, mas afirma que isso está longe de tirar seu sono.

- Realmente é difícil, mas tento lidar com esses compromissos de uma forma tranquila. É parte do trabalho. Não vou mentir, pois muitas vezes jornalistas acabam nos perguntando exatamente as mesmas coisas muitas e muitas vezes repetidas. Mas entendo, pois existem caras como vocês por todo canto do mundo, então é nosso trabalho. Mas não é um problema tão grande, já que, pelo menos comigo, isso acontece com mais força apenas três vezes por ano, nas minhas lutas. Não é tão mal assim - analisou.

Demetrious recebe cinturão dos moscas das mãos de Dana (FOTO: Divulgação/UFC)

Confira um bate-papo com Demetrious Johnson
Como você começou a treinar MMA?
Comecei a treinar MMA durante a faculdade. Tinha aulas e assisti ao primeiro The Ultimate Fighter. Vi como aquilo era legal e empolgante. Me fascinei por tudo isso e coloquei na minha cabeça que gostaria de ser lutador. Corri para a academia mais próxima e foi assim que tudo começou. 

Te incomoda o fato de lutas entre pesos-moscas não gerarem entre os fãs o mesmo impacto de confrontos pesos-pesados?
Não muito. É assim que é. Se eles gostam ou não, vão nos respeitar em algum momento e perceber nosso potencial. É diferente do que uma luta entre pesados, mas não foco muito nisso. Não acho que seja desrespeitoso, por exemplo.

Qual você acha que será a maior diferença no seu jogo desde a primeira luta contra Benavidez?
Acho que na minha primeira luta ainda não estava tão maduro. Ainda estava aprendendo com a minha carreira. Tive duas boas lutas depois daquela primeira com Benavidez, então acho que estou mais maduro e preparado. Fico melhor a cada dia e vamos descobrir, neste sábado, quem é o melhor. Espero que o melhor Benavidez apareça. 

Você pensa em voltar a lutar como peso-galo algum dia?
Acho que continuarei como um peso-mosca por muitos anos. O UFC tem feito um ótimo trabalho promovendo minhas lutas. Estou satisfeito até aqui, apenas focado na minha divisão, em Joseph. Esse é o meu plano por agora e o resto penso depois. 

Você tem algum ídolo no MMA?
Ídolos, não. Mas tenho alguns nomes que admiro muito como José Aldo, Anderson Silva, Edson Barboza... São grandes nomes.

O UFC Fight Night no Combate: Johson x Benavidez acontece neste sábado, a partir das 19h30, e será transmitido ao vivo pelo canal Combate.

Confira as lutas do show:
CARD PRINCIPAL
Demetrious Johnson x Joseph Benavidez
Urijah Faber x Michael McDonald
Chad Mendes x Nik Lentz
Joe Lauzon x Mac Danzig
CARD PRELIMINAR
Court McGee x Ryan La Flare
Danny Castillo x Edson Barboza
Bobby Green x Pat Healy
Scott Jorgensen x Zach Makovsky
Sam Stout x Cody McKenzie
Abel Trujillo x Roger Bowling
Alp Ozkilic x Darren Uyenoyama