icons.title signature.placeholder Felipe Bolguese
01/07/2014
16:54

Depois de vencer a Argélia por 2 a 1 pelas oitavas de final da Copa do Mundo, em Porto Alegre, a Alemanha curtiu um dia de folga em Santo André, vila do município de Santa Cruz Cabrália, no sul da Bahia. Os jogadores passaram o dia com familiares e puderam desfrutar da estrutura do Campo Bahia, complexo onde estão hospedados, e da própria praia, que é frequentada por poucos banhistas.

Desde a manhã, alguns fãs, já informados sobre a programação germânica, fizeram plantão na porta do complexo, do lado da praia, já que o espaço é público. Um dos seguranças do local abordou as pessoas, pedindo que elas deixassem as proximidades, uma vez que os jogadores estavam receosos de sair. Eram cerca de 30 pessoas mas, para o segurança, aquilo "já era muito para os alemães". Os torcedores se dispersaram, mas ficaram de prontidão.

Logo depois, no entanto, o técnico Joachim Löw apareceu, acompanhado de um segurança. Ele atendeu todo mundo, sendo paciente para tirar fotos e dar autógrafos. Quando terminou de interagir, andou tranquilamente de uma ponta da praia à outra, sem ser importunado.

Alguns jogadores também apareceram fazendo a alegria dos torcedores de plantão. O lateral-esquerdo Höwedes, o lateral-direito Boateng e o volante Christoph Kramer apareceram na praia para dar um mergulho no mar. 

Já o zagueiro Grosskreutz, que é reserva, encontrou-se com familiares em uma pousada ao lado do complexo onde está hospedado. Durante o jogo da Argentina, ele ficou em uma área isolada, jogando cartas. Ele nem sequer ligou para a prorrogação.

A Alemanha fará um treino nesta quarta-feira, em Santo André, e à noite já vai para o Rio de Janeiro. Na próxima sexta, enfrentará a França, no Maracanã, pelas quartas de final da Copa. Quem vencer enfrentará o vencedor de Brasil e Colômbia, que também jogam na sexta, em Fortaleza.