icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/07/2014
19:10

Loco Abreu desistiu de voltar ao Botafogo neste momento e decidiu renovar o contrato com o Rosário Central (ARG). Recentemente, o próprio atacante sugeriu um retorno ao clube, mas a diretoria não enxergava isso com bons olhos. Desta vez, porém, foi a vez do jogador dizer 'não'.

- Não dá para sair, eu me comprometi com o pessoal aqui. A vontade de voltar é muita, mas eu não posso fazer isso - disse Loco Abreu, por intermédio de sua assessoria de imprensa.

Desde que deixou o Botafogo, após divergências com Oswaldo de Oliveira por ter ficado no banco, Loco mostrou-se arrependido e, em várias entrevistas, falou abertamente que gostaria de voltar. No início do ano, após a saída do técnico, ele fez contato com o clube, mas parte da diretoria não aprovou seu retorno.

No mês passado, quando esteve no Rio para um evento com torcedores botafoguenses, Loco Abreu se reuniu com o presidente Mauricio Assumpção e sugeriu voltar ao Botafogo, como parte do pagamento de uma dívida que o clube ainda tem com ele. Mas a diretoria, mais uma vez, não mostrou-se favorável a esta negociação, frustrando o atacante.

Mas nos últimos dias, a diretoria mudou de ideia e decidiu repatriar o atacante. Loco Abreu aguardava apenas pela envio de uma proposta para fechar com o Botafogo. Mas, antes mesmo de o clube oficializar o interesse, o atacante resolveu cumprir com sua palavra e prorrogar o vínculo de empréstimo com o Rosário Central (ARG), onde já vinha treinando.

- Não passa por um contrato, passa por ficar tranquilo comigo mesmo. Eu dei a minha palavra e as pessoas aqui me tratam muito bem - completou o uruguaio.

Além de equacionar uma dívida antiga, o Botafogo via na contratação de Loco Abreu uma forma de mexer com a torcida, ainda mais após ter voltado ao Brasileirão com uma derrota (1 a 0 para o Sport, na última quarta-feira).