icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
05/04/2014
13:10

Por detalhes para ser anunciado como novo reforço do Botafogo, Emerson Sheik não apareceu no Corinthians para o jogo-treino contra a Ponte Preta, neste sábado, no CT Joaquim Grava. O atacante foi liberado de seus compromissos pela própria diretoria alvinegra e está perto de ter sua saída do Parque São Jorge confirmada.

O tempo livre dado pelo Timão deve servir para o atacante acertar as últimas pendências com o Glorioso e já providenciar sua mudança para o Rio de Janeiro. O negócio entre Corinthians, Botafogo e Emerson Sheik para a ida do atacante ao clube carioca está praticamente acertada. Todas as bases foram definidas na reunião entre as partes na noite da última quinta-feira.

O contrato será por empréstimo até o fim deste ano. O que trava, ainda é a garantia financeira do clube carioca indicando que conseguirá arcar todo mês com R$ 260 mil, equivalentes à metade do salário de Sheik.

Nas conversas, duas situações foram levantadas: o Botafogo arca com metade dos salários, como era o esperado desde o início. A outra alternativa é o Corinthians seguir pagando os R$ 520 mil mensais ao atacante e os cariocas se comprometerem a pagar a parte que lhes cabe aos paulistas.

Tanto Sheik como o Timão querem provas de que os compromissos sejam cumpridos em dia, uma vez que os salários estão atrasados em General Severiano – a diretoria pretende quitá-los até o início da semana que vem.

Visando Brasileirão, Corinthians faz jogo-treino contra Ponte