icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/07/2014
14:31

Donald Cerrone está tão interessado em fazer o máximo de lutas que puder no ano que só mesmo uma lesão para travar um pouco a velocidade com a qual o mesmo tem tratado sua carreira. E olha que não foi ele quem se machucou. Depois de bater Jim Miller por nocaute na última quarta-feira, em Atlantic City, o americano acertou sua quarta luta no ano contra Khabib Nurmagomedov. Porém, 20 minutos após o presidente do UFC Dana White ouvir o "sim" de ambos oa lados, o russo lesionou seu joelho e teve de sair do confronto. A cartola relatou o caso a jornalistas após a pesagem do UFC Dublin, na Irlanda.

Segundo o dirigente, o duelo entre Cerrone e Nurmagomedov, especulado pelos próprios lutadores via Twitter após a vitória do americano contra Jim Miller, esteve fechado para acontecer no UFC 178, dia 27 de setembro, até que o russo se machucou momentos após o acerto.

- Isso deveria ser verdade, a luta estava feita. Vinte minutos depois (Nurmagomedov) foi para a academia e "estourou" sem joelho. Vinte minutos depois... Estava feito. Os acordos para a luta estavam feitos. Um e-mail foi disparado na noite passada do Joe Silva (matchmaker do UFC) dizendo que a luta estava fechada, ambos com contrato assinado... Boom! Vinte minutos depois você não vai acreditar nisso: a luta está fora - disse o cartola, segundo trecho reproduzido pelo site "MMA Fighting".

Agora, Nurmagomedov, atual número quatro do ranking dos leves, terá de passar por um processo de recuperação para voltar a disputar um combate no Ultimate. Já Cerrone deve procurar outro adversário o quanto antes uma vez que pretende voltar ao octógono o mais rápido o possível.