icons.title signature.placeholder Walace Borges
18/03/2014
12:00

Nem mesmo longe de casa o Flamengo está sozinho. Se não são muitos, pelo menos os torcedores que têm acompanhado o time na fase de grupos da Libertadores são dos mais apaixoandos e têm feito de tudo pelo time. Um grupo de amigos, inclusive, foi para León (MEX), está em Santa Cruz de la Sierra (BOL) e irá a Guaiaquil (EQU) para todos os jogos do Rubro-Negro. Uma maratona e tanto na torcida pelo bicampeonato continental.

Marcus Matallo, Francisco Caruso e Alexandre Caruso saíram de Florianópolis na manhã de segunda-feira, compareceram ao treino do Flamengo na parte da tarde e se hospedaram no mesmo hotel do clube em Santa Cruz. Tudo para poder ajudar da melhor maneira possível. Em conversa com a reportagem do LANCE!Net, eles contaram o combustível das viagens:

- O Flamengo sempre foi nossa paixão, não é de hoje. Viajamos por prazer. Eu, inclusive, fui ao Rio de Janeiro ver o jogo contra o Bolívar na quarta-feira passada. Vou onde tiver de ir porque amo meu time. Vamos à La Paz e tenho certeza que podemos ver o time sair vitorioso - afirmou Francisco, que viu Alexandre não ter discurso tão otimista:

- Temos de vencer. Não tem a menor chance de ser algo contrário. Até um empate não seria tão ruim, mas ter vacilado no Rio de Janeiro nos complicou. Agora é tudo ou nada. Se perder, vai ficar muito complicado. Mas vamos torcer com tudo!

A maratona dos três torcedores é tão grande que, após o jogo contra o Bolívar, eles sequer vão para o hotel descansar. O voo de retorno ao Brasil sai às 6h e eles garantem que o tempo para dormir será feito dentro do avião, retornando. No que depender deles, o Rubro-Negro está num bom caminho!