icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
03/04/2014
00:47

Quase cinco meses após sua última partida pelo Santos, que foi contra a Portuguesa no dia 6 de outubro de 2013, o experiente Léo voltou a entrar em campo nesta quarta-feira. Na estreia do time na Copa do Brasil, o jogador de 38 anos atuou como meio-campista por 21 minutos e fez sua primeira partida na temporada 2014 - isso restando apenas 28 dias para o fim do seu contrato, que foi renovado no fim do ano passado.

Logo após o empate por 0 a 0 com o Mixto-MT, na Arena Pantanal, o veterano condenou a postura do Peixe em campo, afirmando que o resultado foi "longe do esperado". Apesar disso, Léo comemorou seu retorno aos gramados vestindo a camisa 16, e atuando no meio, posição em que pediu chances para o técnico Oswaldo de Oliveira.

- O resultado foi longe do que viemos buscar, porque erramos passes e sofremos uma pressãozinha no final, o que não é normal. Quanto à minha volta, fico muito feliz de poder ajudar meus companheiros. Essa para mim foi a maior vitória - comentou o veterano na saída do gramado.

Oswaldo de Oliveira já começou uma "campanha" pela renovação de Léo, mas a diretoria ainda não sabe se vale a pena estender o contrato do jogador com mais títulos pelo clube após a Era Pelé. No próximo domingo, quando os titulares retornam, Léo não deve ser relacionado, mas deixou mensagem de confiança para os companheiros que disputam a final do Campeonato Paulista contra o Ituano.

- Vamos trabalhar durante a semana, porque temos uma decisão muito importante.