icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/11/2014
13:55

Únicos brasileiros na lista da Uefa dos Melhores de 2014, Neymar e Miranda tiveram, durante o ano de 2014, um misto de emoções, conquistas e frustrações em suas carreiras tanto nos respectivos clubes como na Seleção Brasileira, na qual o atacante é o protagonista e o zagueiro ainda busca seu espaço.

 - Nos clubes, Neymar não teve um 2014 tão feliz. O camisa 11 foi vice-campeão espanhol com o Barcelona, que viu o Atlético ser campeão após 18 anos. Na Copa do Rei, mais uma decepção, com derrota na decisão para o rival Real Madrid. Na última temporada, Neymar anotou nove gols em La Liga.

- Na Liga dos Campeões, o atacante deixou sua marca na semifinal contra o Atlético de Madrid, mas o rival levou a melhor no placar agregado, se classificando à semifinal e deixando os catalães pelo caminho.

 - Na atual edição do Espanhol, Neymar é o vice-artilheiro, com 11 gols, nove a menos que o português Cristiano Ronaldo. O Barcelona é vice-líder, com 28 pontos, a dois do Real Madrid. Na Liga dos Campeões, o time já está garantido nas oitavas de final.

 - Pela Seleção, Neymar viveu uma montanha-russa de sensações. O camisa 10 vinha sendo o protagonista da campanha do time na Copa do Mundo até as quartas de final, quando foi atingido pelo colombiano Zuñiga nas costas, ficando de fora da competição.


Neymar deixou o Mundial de 2014 após levar joelhada de Zuñiga (Foto: Odd Andersen/AFP)

 - Sem seu principal jogador, a Seleção foi impiedosamente goleada pela Alemanha por 7 a 1, no Mineirão. Mesmo ficando fora da semifinal e da disputa pelo terceiro lugar, o atacante terminou o Mundial como terceiro melhor marcador, com quatro gols.

  - Após a Copa, Felipão deixou o comando da Seleção, Dunga retornou, mas uma coisa permanece intacta: o protagonismo de Neymar com a camisa canarinho. O camisa 10 chegou aos 42 gols, se tornando o quinto maior artilheiro da Seleção.

Se Neymar não teve muito sucesso com o Barcelona neste ano, o mesmo não se pode dizer de Miranda. E o fim de 2014 ainda reservou bons momentos para o zagueiro na Seleção Brasileira.

- Campeão espanhol com o Atlético de Madrid, na condição de titular absoluto e formando dupla de zaga com o uruguaio Diego Godín.

- Vice-campeão da Liga dos Campeões. Apesar do título perdido para o rival Real Madrid, campanha dos Colchoneros foi histórica, eliminando adversários poderosos como Barcelona e Chelsea.


Miranda conquistou dois títulos pelo Atlético de Madrid em 2014 (Foto: Javier Soriano/ AFP)

- Campeão da Supercopa da Espanha, em agosto, derrotando o Real Madrid.

- Preterido por Felipão na lista final da Copa do Mundo, Miranda ganhou espaço na segunda passagem de Dunga no comando da Seleção. O zagueiro do Atlético de Madrid barrou o ex-capitão Thiago Silva, que terá muito trabalho para recuperar seu posto.

- Na atual edição do Espanhol, Miranda já marcou três gols e o Atlético ocupa o terceiro lugar, com 26 pontos, a quatro do líder.