icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/06/2014
20:10

A Alemanha venceu a Argélia nesta segunda-feira, pelas oitavas de final da Copa do Mundo, mas, ao contrário do que se esperava, o jogo foi muito complicado para os alemães, que precisaram da prorrogação para decretar o triunfo e a classificação à próxima fase. Apesar de ter disputado 30 minutos a mais do que o tempo regulamentar, Lahm comemorou a vitória, mas de forma contida por conta do desgaste físico.

- Até estou relativamente contente. Na verdade, é importante a gente ter avançando. A tarefa era muito difícil. Nós já tínhamos conversado sobre isso e sabíamos o que estava nos aguardando. Eles, realmente, são muito bons. O ideal seria ter terminado nos 90 minutos, nós sabíamos que tínhamos que nos manter concentrados - disse o jogador do Bayern de Munique.

Em um jogo muito equilibrado, a Alemanha custou a dominar o adversário - se é que é possível dizer que chegou, de fato, a dominar. O jogo dos europeus custou a entrar, diante de uma Argélia muito bem armada e que não se intimidou.

- Bom... Eles se defenderam muito bem, nós tivemos poucas possibilidades, o Götze tentou finalizar, tentamos finalizar com bolas aéreas... Toda vez que atacamos, vimos que eles estavam muito bem organizados, de forma que não tínhamos muitas possibilidades. Tivemos algumas possibilidades e, assim que tivemos o domínio do jogo, começamos a fazer alguma coisa - analisou Lahm.

O próximo compromisso da Alemanha será diante da França, em um clássico europeu pelas quartas de final do Mundial. O confronto será na próxima sexta-feira, dia 4 de julho, às 13h, no Maracanã, no Rio de Janeiro. No mesmo dia a Seleção Brasileira entra em campo diante da Colômbia, às 17h.