icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
17/06/2014
20:48

Quem pensa que americanos não conhecem de futebol, se engana, ao ouvir um dos maiores jogadores de basquete da atualidade, Kobe Bryant, comentar sobre o assunto e apontar seus favoritos à final da Copa do Mundo: Argentina e Brasil.

- É difícil jogar contra o time da casa, no Brasil. Seria bom ver uma final entre Brasil e Argentina. A Alemanha parece muito, muito forte também e é difícil jogar contra eles - comentou, em entrevista ao site da FIFA.

O pai de Kobe também foi um jogador de basquete e atuou boa parte de sua carreira na Itália, o que explica o gosto de Bryant por futebol.

- Eu sou (fã de futebol). Eu cresci na Itália e dos meus seis aos 14 anos, eu jogava futebol todos os dias. Na verdade, é meu esporte favorito - disse.

Kobe segue no Brasil até o final da Copa do Mundo, da qual ele já compareceu em um jogo. Dos Estados Unidos? Não! Alemanha e Portugal, os outros times do grupo de seu país.

- Eu quero ver os melhores jogos. Quero ver os melhores times e ver alguns dos melhores jogadores. É uma grande oportunidade poder ver isso tudo daqui (Brasil) - comentou Kobe.

Além de dar seus palpites no futebol, Kobe, é claro, não deixou de lado seu próprio esporte, o basquete. O armador do Lakers também comentou sobre a final da NBA, neste último domingo, que definiu o San Antonio Spurs como campeão da temporada, que não foi boa para o Los Angeles.

- Foi merecido. Realmente foi uma lição em como você consegue colocar os caras para jogarem juntos se eles compartilham um objetivo. Estou muito feliz pelo Spurs. É uma motivação para nós. Espero que possamos fazer o mesmo na próxima temporada - completou.