icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/03/2014
18:13

O técnico Gilson Kleina esboçou pela primeira vez a equipe titular do Palmeiras para o clássico contra o Santos, às 16h de domingo, na Vila Belmiro. Pendurado com dois cartões amarelos, Wendel não será relacionado para a partida e cedeu seu lugar na lateral direita para o improvisado Tiago Alves, que é zagueiro de origem. Bruninho, volante contratado recentemente da Portuguesa, também foi testado na função por alguns minutos. A melhor notícia, porém, fica por conta do desempenho do quarteto ofensivo formado por Valdivia, Bruno César, Leandro e Alan Kardec.

Sem o goleiro Fernando Prass, liberado das atividades desta sexta-feira para solucionar problemas particulares, o time principal do Verdão começou o coletivo com a seguinte formação: Bruno; Tiago Alves, Lúcio, Marcelo Oliveira e Juninho; Eguren, França, Valdivia e Bruno César; Leandro e Alan Kardec. Quando Bruninho foi testado pela direita, França deixou o time e Marcelo Oliveira, que volta após cumprir suspensão, compôs a zaga ao lado de Lúcio.

O time reserva, armado com um sistema muito ofensivo e semelhante ao que Oswaldo de Oliveira costuma utilizar no Santos, não foi páreo e perdeu por 4 a 0. Os gols foram de Bruno César, Leandro (duas vezes) e Juninho. A equipe criou várias jogadas, mostrou boa movimentação e pouco foi ameaçada.

A formação dos suplentes foi: Fábio; Bruninho (Josimar), Wellington, Victorino e William Matheus; Renato, Felipe Menezes, Mazinho e Serginho; Vinicius e Patrick Vieira. O meia Mendieta, que também está pendurado, fez uma atividade no campo ao lado com os demais jogadores. A exemplo de Wendel, ele não deve nem ser relacionado para a partida. Wellington, o outro pendurado, tem mais chances de ir a Santos para que o banco não fique sem um zagueiro.

- Não vou negar que nós temos uma posição, que é a do Wendel, em que o substituto está lesionado (Bruno Oliveira tem um desgaste muscular) e teríamos que improvisar em caso de suspensão. Ah, mas pode ser que venha a tomar o terceiro cartão na quarta (jogo único das quartas de final, contra Bragantino ou Rio Claro)? Mas aí é circunstância, de repente nesse tempo a gente consegue recuperar os atletas - explicou Gilson Kleina, que também não deverá contar com o volante Wesley e o meia-atacante Marquinhos Gabriel, que se recuperam de lesões.