icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/06/2014
20:22

Dez anos depois da inesperada conquista da Euro 2004, a Grécia chega à Copa do Mundo 2014 com pouco destaque, apesar da 12º posição no ranking da FIFA, a frente de Holanda, França e Chile. Para o jogador grego com mais partidas pela seleção, Giorgios Karagounis, não estar nos focos pode ser bom para sua equipe. Karagounis disse ainda que, quem não acreditar no futebol russo, poderá pagar caro.

- Acho que quem não respeita a gente vai pagar por isso. É melhor não cruzar nosso caminho. Nós sabemos o que somos e o que podemos fazer. Se ficarmos juntos como uma equipe, podemos alcançar grandes coisas - declarou Karagounis.

A Seleção Grega é comandada pelo português Fernando Santos desde 2010. Para Karagounis, a sequência do trabalho do técnico é um dos pontos fortes da equipe, que espera ao menos se classificar para as oitavas de final.

- Santos é o nosso treinador há quatro anos. Nós nos conhecemos bem. Sob o seu comando já chegamos às quartas de final da Euro 2012, o que foi uma grande conquista. Agora no Mundial, tenho esperança de chegar à segunda fase - concluiu o capitão grego.

A Grécia está no Grupo C da Copa, ao lado de Costa do Marfim, Colômbia e Japão. A estreia dos gregos será no dia 14, às 13h, contra a Colômbia, em Belo Horizonte.