icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/07/2014
13:25

Apesar de não ter dado indícios de que o Atlético-MG buscaria um novo reforço após a Copa do Mundo,a saída de Ronaldinho faz surgir uma nova pauta na mesa da diretoria atleticana. O presidente Alexandre Kalil não pretende gastar rios de dinheiro, já que busca manter as contas do clube em dia, mas uma nova contratação pontual não está descartada pelo presidente.

- Quando falei de contratação, não é chegar e colocar no CT. Temos que ter um nome e ter condições de trazer. A torcida que não entenda como 'não vamos trazer ninguém'. Vai caber jogador no Atlético, mas tem que aparecer. Não pode ser de qualquer jeito. Senão, vamos nos juniores e buscamos, que é mais barato - falou Kalil.

MAIS:
> Com direito a vídeo, Ronaldinho diz: Obrigado, Galo!
> Lamentações pela perda de Ronaldinho marcam desembarque em BH

Com a perda de Ronaldinho, Guilherme deverá ser o principal articulador de jogadas no Atlético-MG. O esquema de Levir Culpi deverá ser mantido, substituindo apenas o R10 pelo seu ex-reserva de imediato. Até o momento, Maicosuel foi a única contratação da era Levir. Desde sua chegada, o treinador afirmou que o grupo carece de reforços. A diretoria do Galo alega estar atenta ao mercado.