icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/07/2013
08:01

No último domingo, Juninho teve como companheiro de time o lateral Henrique, que tem nada menos do que a metade da idade dele. Tal situação deixa o Reizinho até satisfeito, pois mostra que o clube está apostando na base, algo que já fez com muito sucesso em outras épocas.

– O Vasco não pode perder isso e nem deve ter medo de arriscar. Sou mais a favor da base do que improvisação. Se um jogador é titular do sub-18 ou sub-20 do Vasco, se tiver chance, tem de colocar para jogar. Fiquei feliz de saber que contra o Fluminense atuaria com um jogador que tem a metade da minha idade, formado na base – elogiou o Rei.

Os jogadores oriundos das categorias inferiores do Gigante da Colina estão mesmo com moral. Mesmo com a volta dos, até então titulares, Yotún e Renato Silva, que estavam lesionados, os garotos Henrique e Jomar seguem treinando entre os 11, na lateral-esquerda e na zaga, respectivamente.

No atual time principal do Vasco, Alessandro, Luan, Marlone, Jhon Cley, Baiano, além da dupla Jomar e Henrique, são crias de São Januário.

Quando René Simões ainda era diretor executivo do Vasco, havia um projeto de montar uma equipe com oito atletas formados na base e mais três reforços contratados. No entanto, a ideia do "modelo Barcelona" não foi concretizada.

Philippe Coutinho e Alex Texeira são as duas últimas grandes revelações do clube de São Januário que caíram nas graças da torcida ao chegar no time principal.

No último domingo, Juninho teve como companheiro de time o lateral Henrique, que tem nada menos do que a metade da idade dele. Tal situação deixa o Reizinho até satisfeito, pois mostra que o clube está apostando na base, algo que já fez com muito sucesso em outras épocas.

– O Vasco não pode perder isso e nem deve ter medo de arriscar. Sou mais a favor da base do que improvisação. Se um jogador é titular do sub-18 ou sub-20 do Vasco, se tiver chance, tem de colocar para jogar. Fiquei feliz de saber que contra o Fluminense atuaria com um jogador que tem a metade da minha idade, formado na base – elogiou o Rei.

Os jogadores oriundos das categorias inferiores do Gigante da Colina estão mesmo com moral. Mesmo com a volta dos, até então titulares, Yotún e Renato Silva, que estavam lesionados, os garotos Henrique e Jomar seguem treinando entre os 11, na lateral-esquerda e na zaga, respectivamente.

No atual time principal do Vasco, Alessandro, Luan, Marlone, Jhon Cley, Baiano, além da dupla Jomar e Henrique, são crias de São Januário.

Quando René Simões ainda era diretor executivo do Vasco, havia um projeto de montar uma equipe com oito atletas formados na base e mais três reforços contratados. No entanto, a ideia do "modelo Barcelona" não foi concretizada.

Philippe Coutinho e Alex Texeira são as duas últimas grandes revelações do clube de São Januário que caíram nas graças da torcida ao chegar no time principal.