icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/04/2014
18:22

Com as perdas de Edu Dracena e Gustavo Henrique para o departamento médico, e com a recente baixa de Neto, que tem um edema na coxa direita, quem ganhou oportunidades na defesa do Santos foi o garoto Jubal, de 20 anos. Com a sua titularidade conquistada devido às lesões, o jogador lamenta a má sorte dos "concorrentes", mas tenta aproveitar o espaço para impressionar o treinador.

- É complicada essa situação. Ninguém gosta de se machucar. Infelizmente, a gente teve essas perdas, mas nós treinamos forte para quando a oportunidade aparecer, podermos impressionar o Oswaldo (de Oliveira). A gente tem que dar um suporte pro Oswaldo para ele confiar na gente - disse o camisa 36.

Perguntado sobre as possíveis contrações do Peixe para o setor defensivo - o clube sondou Manoel, do Atlético-PR e Fernando Tóbio, do Velez Sarsfield (ARG) - o beque alvinegro se esquivou e afirmou estar alheio aos assuntos.

- Tem que deixar para a diretoria e para o Oswaldo. Temos que tentar consquistar nosso espaço. Se alguém vier, virá para agregar. A gente busca sempre se firmar para o Oswaldo confiar na gente - finalizou.

Nesta temporada, Jubal atuou em 11 jogos e foi autor de um gol no Campeonato Paulista.