icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/06/2014
20:15

A Suíça estreia na Copa do Mundo neste domingo, às 13h, contra o Equador, no Estádio Mané Garrincha. Uma das apostas da equipe é o atacante Josip Drmic, de apenas 21 anos, um dos destaques do Bayern Leverkusen na Bundesliga. Cada vez mais próximo de estrear, o jovem admitiu o nervosismo.

- Claro que há um pouco de nervosismo. Tenho sentimentos muito especiais, porque é uma experiência nova para mim. Fico feliz que possa fazer parte desta Copa do Mundo. Portanto, tenho uma grande expectativa, e estou tentando desfrutar também - afirmou Drmic.

A revelação suíça também mostrou felicidade pelas comparações recentes com Frei, um ídolo do futebol no país, mas, ao comparar, mostrou a diferença do estilo de jogar de cada um.

- Sobre a comparação com Alex Frei, ouço pela primeira vez. Para mim, ele era um grande jogador. Seja em Basileia ou com a equipe nacional, ele sempre alcançou os seus objetivos. Mas eu não sou o mesmo tipo de jogador que ele, portanto, não me vejo como um "novo Frei". Eu tenho outras qualidades. Sou mais rápido e mais perigoso no ataque... - disse brincando, para prosseguir: - Mas brincadeiras à parte, eu tenho mais vontade de correr, ir mais ao fundo e driblar. Alex Frei foi um atacante mais objetivo.