icons.title signature.placeholder Guilherme Borini
20/11/2013
16:17

Hoje técnico da Ponte Preta, Jorginho era jogador do São Paulo nas quartas de final do Brasileirão de 1999, quando o Tricolor eliminou a Macaca, em uma série melhor de três jogos. Vitória no Morumbi no primeiro jogo, derrota no segundo no Moisés Lucarelli, e novo triunfo em Campinas, que sacramentou a vaga para as semifinais.

O treinador pontepretano lembrou das dificuldades que foi jogar no Moisés Lucarelli e lamentou não poder estar do outro lado nesta ocasião.

- Nesse caso hoje eu lamento, porque naquela oportunidade nós sentimos o quanto foi difícil jogar aqui. Perdemos o jogo e já foi pressão desde a chegada. A torcida lotando o estádio e fazendo uma pressão muito grande. A gente queria que eles sentissem essa pressão, mas infelizmente não vai acontecer. Mas espero que seja lá em Mogi. Foram jogos maravilhosos tanto lá quanto aqui - disse Jorginho, ao LANCE!Net.

A Macaca perdeu o direito de jogar no Moisés Lucarelli após um pedido do São Paulo à Conmebol, alegando que o estádio não tenha capacidade para 20 mil torcedores. Sem o Majestoso, a Macaca escolheu o Romildo Ferreira, em Mogi Mirim, para mandar a segunda partida, marcada para o próximo dia 27, às 21h50.