icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
01/02/2015
19:18

A primeira rodada Campeonato Catarinense-2015 já teve vitória do Criciúma, goleada da Chapecoense contra o Inter de Lages de Fernando Henrique, Marcelinho Paraíba e Reinaldo e, neste domingo, contou com o seu primeiro clássico. Atuando diante da sua torcida, na Arena Joinville, JEC saiu na frente, mas cedeu o empate para o Avaí, que garantiu o 2 a 2, em clássico que terminou com três expulsões, sendo duas do Leão.

Rafael Costa e Marcelo Costa marcaram os gols do Joinville, enquanto Anderson Lopes, duas vezes, garantiu o empate no clássico. O Joinville volta a atuar pelo Catarinense na próxima quarta, quando visitará o Atlético Ibirama, no Hermann Aichinger, às 19h30. Já o Avaí, no dia seguinte, receberá o Criciúma, às 19h30, para disputar novo clássico.

JOINVILLE NA FRENTE

Atuando diante da sua torcida, o Joinville tomou a iniciativa. Fabinho, logo aos dois minutos, desperdiçou a boa jogada de Augusto César, que, logo na sequência, ainda finalizou com perigo para o gol de Vagner. A pressão do JEC surtiu o efeito imaginado pelo técnico Hemerson Maria. Fabinho foi o responsável pelo cruzamento para o gol de Rafael Costa, ex-Ponte Preta, uma das novidades do time, fazer Joinville 1 a 0, aos sete minutos.

O Joinville não diminuiu o ímpeto e chegou ao merecido segundo gol após finalização sem defesa de Marcelo Costa, que recebeu sem marcação. JEC 2 a 0 com apenas 20 minutos. O Avaí provou não estar entregue e levou muito perigo aos 24, após o arremate de Eduardo Neto ficar na trave. O jogo ganhou em emoção e em equilíbrio na Arena Joinville. E quem marcou foi o Leão. Jogada de Eduardo Neto e conclusão de Anderson Lopes, aos 42 minutos.

AVAÍ BUSCA O EMPATE

Veio a etapa final e, logo com dois minutos, uma polêmica. Ronaldo Alves foi deslocado por Naldo dentro da área e pediu pênalti. Rodrigo D'Alonso nada marco. Graças a um jogo aberto, Joinville e Avaí se revezaram nas chances criadas e perdidas. Coube ao Leão mostrar mais competência para marcar. Em jogada iniciada por Renan Oliveira, Anderson Lopes recebe de Rômulo, sendo o responsável pela conclusão, aos 16 minutos, e deixando tudo igual. Com emoção de sobra, o primeiro clássico catarinense terminou sem vencedor, apesar de as duas equipes terem buscado o terceiro gol. Não houve cautela nos minutos finais.

EXPULSÕES NOS MINUTOS FINAIS

Não teve vitorioso na Arena Joinville, mas o clássico terminou com três expulsões. A primeira foi do zagueiro Willian Rocha, que acertou uma cotovelada em Fernando Viana, deixando o Avaí com dez, aos 45 minutos. O lance gerou uma confusão entre os jogadores das duas equipes e garantiu mais dois expulsões: Rogério pelo JEC e Eduardo Neto do Avaí.

No outro jogo que teve início às 17h deste domingo, Metropolitano e Marcílio Dias ficaram no 1 a 1, atuando no SESI, em Blumenau. Rodney e Schwenck, ele mesmo, marcaram os gols, respectivamente.

CAMPEONATO CATARINENSE

1ª RODADA

Sábado – 31/1

Criciúma 3 x 1 Guarani de Palhoça – Heriberto Hülse
Chapecoense 5 x 0 Internacional de Lages – Arena Condá

Domingo – 1/2

17h
Joinville 2 x 2 Avaí – Arena Joinville
Metropolitano 1 x 1 Marcílio Dias –  SESI Blumenau

19h30
Figueirense x Atlético Ibirama – Orlando Scarpelli