icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!/RADAR
09/02/2015
17:07

A ex-jogadora Vânia “Guerreira” Hernandes - que mantém atualmente um eficiente trabalho de iniciação e base na cidade de Sorocaba, além de ter defendido grandes equipes do cenário nacional, bem como a Seleção Brasileira por muitos anos - é mais uma integrante do “SOS Basquete Feminino do Brasil”, grupo formado por amantes do basquetebol feminino nacional, que visam buscar soluções de crescimento para a modalidade.

- Creio que o primeiro ponto para conseguirmos algo de melhor ao basquete feminino nacional é fazendo algumas mudanças conceituais na base, com novos comandos, filosofias, valores e comprometimento. Estou me unindo ao "SOS Basquete Feminino do Brasil" com a expectativa de ajudar - relata Vânia, salientando que as coisas são difíceis.

E MAIS:
> Dois jogos dão sequência à oitava semana da LBF nesta segunda-feira

 - Pela proposta do grupo, sei que é difícil conseguir repasses ao basquete feminino, contudo, eu acredito que esta iniciativa dará uma bela chacoalhada na modalidade - completa Hernandes.

O “SOS Basquete Feminino do Brasil” já tem adesões importantes, dentre as quais, as de técnicos, atletas, torcedores, amantes da modalidade, jornalistas, dentre outros. A página no Facebook para novos integrantes pode ser acessada pelo seguinte link: https://www.facebook.com/pages/Salvem-o-basquete-feminino-brasileiro/1498558017069998?fref=ts.