icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/07/2013
14:57

A tentativa de sequestro ao jovem Bruma, jogador do Sporting, foi apenas mais um capítulo da novela sobre a renovação do atacante com o clube. Os lisboetas alegam que o jogador ainda tem um ano de contrato. Já a revelação teria dito que não tem mais compromisso, e pode assinar com qualquer equipe. Há ainda a hipótese de que o Leonino teria apenas a prioridade na renovação para mais um ano.

Nos últimos dias, para tentar dar um ponto final nas desavenças, a diretoria convocou uma reunião com Bruma. Porém, seria apenas com ele, sem a presença do seu tutor, de empresário, advogado... A atitude não foi bem vista.

- O Sporting fez uma exigência que não fazia sentido, agora repetiu e fechou com a porta. Avancei com uma notificação judicial e a partir daqui queremos desencadear o processo junto da Liga para que o jogador seja considerado livre - disse Bebiano Gomes, advogado de Bruma, que questionou o contrato que o Sporting alega existir:

- Mesmo que se considerasse válido, o Sporting sabe que o jogador pode assinar por outra equipe em janeiro. O Sporting seria o primeiro interessado a chamar as pessoas que mostraram vontade em negociar para nos sentarmos e chegarmos a um entendimento. Não aproveitaram a chance e agora já foi.

Já pelo lado da diretoria do Sporting, o presidente Bruno de Carvalho garante que existe o contrato, e critica as pessoas que estão assessorando Bruma. E diz que torce para que o jovem não tenha sido aliciado.

- Tem sido um processo estranho. O que o Sporting quer é falar com o jogador e seus representantes. Já que pelo que sai na imprensa, têm sido posições muito díspares. Era uma proposta que o Bruma aceitaria. Espero que nenhum clube tenha tido a infelicidade de ter dado dinheiro a ele - disse, em evento do Sporting.

Bruma já teria recebido propostas do Chelsea e do Galatasaray. Em ambas, o Sporting seria recompensado. Há ainda a especulação de que o Porto esteja de olho na situação, para tentar contratá-lo talvez até de graça.

A tentativa de sequestro ao jovem Bruma, jogador do Sporting, foi apenas mais um capítulo da novela sobre a renovação do atacante com o clube. Os lisboetas alegam que o jogador ainda tem um ano de contrato. Já a revelação teria dito que não tem mais compromisso, e pode assinar com qualquer equipe. Há ainda a hipótese de que o Leonino teria apenas a prioridade na renovação para mais um ano.

Nos últimos dias, para tentar dar um ponto final nas desavenças, a diretoria convocou uma reunião com Bruma. Porém, seria apenas com ele, sem a presença do seu tutor, de empresário, advogado... A atitude não foi bem vista.

- O Sporting fez uma exigência que não fazia sentido, agora repetiu e fechou com a porta. Avancei com uma notificação judicial e a partir daqui queremos desencadear o processo junto da Liga para que o jogador seja considerado livre - disse Bebiano Gomes, advogado de Bruma, que questionou o contrato que o Sporting alega existir:

- Mesmo que se considerasse válido, o Sporting sabe que o jogador pode assinar por outra equipe em janeiro. O Sporting seria o primeiro interessado a chamar as pessoas que mostraram vontade em negociar para nos sentarmos e chegarmos a um entendimento. Não aproveitaram a chance e agora já foi.

Já pelo lado da diretoria do Sporting, o presidente Bruno de Carvalho garante que existe o contrato, e critica as pessoas que estão assessorando Bruma. E diz que torce para que o jovem não tenha sido aliciado.

- Tem sido um processo estranho. O que o Sporting quer é falar com o jogador e seus representantes. Já que pelo que sai na imprensa, têm sido posições muito díspares. Era uma proposta que o Bruma aceitaria. Espero que nenhum clube tenha tido a infelicidade de ter dado dinheiro a ele - disse, em evento do Sporting.

Bruma já teria recebido propostas do Chelsea e do Galatasaray. Em ambas, o Sporting seria recompensado. Há ainda a especulação de que o Porto esteja de olho na situação, para tentar contratá-lo talvez até de graça.