icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
08/07/2013
14:24

Jefferson negou com veemência nesta segunda-feira, no desembarque da delegação do Botafogo no Rio de Janeiro, que tenha cometido pênalti em Rafael Sobis, na vitória de 1 a 0 dos alvinegros sobre o Fluminense, neste domingo, na Arena Pernambuco. De acordo com o goleiro, ele foi na bola, e o atacante tricolor caiu sobre ele.

O lance em que o Fluminense reclamou pênalti aconteceu aos 22 minutos do segundo tempo, quando a partida estava empatada em 0 a 0. Rafael Sobis saiu na cara do goleiro. Dória ainda conseguiu dar um leve empurrão para desequilibrar o atacante. Na continuação, o goleiro saiu da meta e deu um carrinho no jogador adversário, que caiu na área. Apesar das reclamações, o juiz mandou seguir o lance.

- Não foi pênalti de maneira alguma. Quem viu o jogo pôde observar que vou na bola, nem atinjo ele (Rafael Sobis). Depois o Sobis cai em cima de mim. Estou com a consciência tranquilíssima. Não foi nada polêmico. Fui frio na jogada para pegar somente na bola - afirmou o goleiro.

E MAIS:
> Botafogo desembarca no Rio, e Lodeiro comemora liderança
> Elias aprova estreia, lamenta gol perdido e recebe elogios de Oswaldo

Com a vitória sobre o Fluminense, com gol de Seedorf aos 39 minutos da segunda etapa, o Botafogo chegou à liderança do campeonato, com 13 pontos.

- A liderança representa tudo para nós. É um recomeço no campeonato e já esperávamos manter o foco. Teremos a semana para trabalhar para mantermos a posição - garante o camisa 1.

Após o desembarque, os jogadores foram liberados e terão o restante do dia de folga. Na terça, às 9h, o elenco se reapresenta e inicia a prepração para o jogo de domingo, contra o Grêmio, às 16h, na Arena do Grêmio, pela sétima rodada. Para este jogo, Gabriel, suspenso, não joga.


Seedorf marca e dá a liderança ao Botafogo

Jefferson negou com veemência nesta segunda-feira, no desembarque da delegação do Botafogo no Rio de Janeiro, que tenha cometido pênalti em Rafael Sobis, na vitória de 1 a 0 dos alvinegros sobre o Fluminense, neste domingo, na Arena Pernambuco. De acordo com o goleiro, ele foi na bola, e o atacante tricolor caiu sobre ele.

O lance em que o Fluminense reclamou pênalti aconteceu aos 22 minutos do segundo tempo, quando a partida estava empatada em 0 a 0. Rafael Sobis saiu na cara do goleiro. Dória ainda conseguiu dar um leve empurrão para desequilibrar o atacante. Na continuação, o goleiro saiu da meta e deu um carrinho no jogador adversário, que caiu na área. Apesar das reclamações, o juiz mandou seguir o lance.

- Não foi pênalti de maneira alguma. Quem viu o jogo pôde observar que vou na bola, nem atinjo ele (Rafael Sobis). Depois o Sobis cai em cima de mim. Estou com a consciência tranquilíssima. Não foi nada polêmico. Fui frio na jogada para pegar somente na bola - afirmou o goleiro.

E MAIS:
> Botafogo desembarca no Rio, e Lodeiro comemora liderança
> Elias aprova estreia, lamenta gol perdido e recebe elogios de Oswaldo

Com a vitória sobre o Fluminense, com gol de Seedorf aos 39 minutos da segunda etapa, o Botafogo chegou à liderança do campeonato, com 13 pontos.

- A liderança representa tudo para nós. É um recomeço no campeonato e já esperávamos manter o foco. Teremos a semana para trabalhar para mantermos a posição - garante o camisa 1.

Após o desembarque, os jogadores foram liberados e terão o restante do dia de folga. Na terça, às 9h, o elenco se reapresenta e inicia a prepração para o jogo de domingo, contra o Grêmio, às 16h, na Arena do Grêmio, pela sétima rodada. Para este jogo, Gabriel, suspenso, não joga.


Seedorf marca e dá a liderança ao Botafogo