icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
10/11/2013
08:03

Jayme de Almeida lamentou o empate em 1 a 1 do Flamengo com o Goiás na noite da última quarta-feira, no Maracanã. O treinador rubro-negro lembrou os pontos fortes da equipe esmeraldina, mas ressaltou que o Flamengo teve o jogo na mão - muito por conta de ter atuado com um a mais desde os 32 minutos do primeiro tempo, quando Hugo foi expulso.

O comandante do time da Gávea, porém, não deixou de parabenizar o adversário pela atuação e o ponto conquistado fora de casa.

- O Goiás formou duas linhas. Eles têm uma velocidade no contra-ataque, que é perigosa. O Flamengo teve o jogo na mão. O Goiás está de parabéns, mas que nós poderíamos ter vencido, poderíamos sim - disse.

O Flamengo abriu o placar logo no início do segundo tempo, com Hernane, mas cedeu o empate aos 17 minutos, quando o zagueiro Rodrigo aproveitou levantamento e, de cabeça, deixou tudo igual.

O empate impediu que o rubro-negro chegasse aos 47 pontos e se afastasse de vez do perigo do rebaixamento no Campeonato Brasileiro.