icons.title signature.placeholder Caio Carrieri
20/12/2013
16:53

Apesar da alta pedida salarial de R$ 300 mil, o Palmeiras encontrou um caminho para segurar Leandro, que está emprestado pelo Grêmio até o fim deste mês. E a prorrogação do empréstimo, alternativa estudada inicialmente, pode ser deixada de lado para o Verdão manter o atacante em definitivo.

Isto porque um investidor pode adquirir os direitos econômicos do atleta - ou parte deles - e garantir a permanência de Leandro no centenário palmeirense, em 2014. O preço da totalidade gira em torno de 5 milhões de euros (R$ 16 milhões).

- O Palmeiras está estudando uma possibilidade de manter o jogador e essa pode ser uma maneira, fazendo a compra - afirmou o empresário Gilmar Veloz, em entrevista ao LANCE!Net.

De acordo com pessoas próximas ao atacante, o Palmeiras ofereceu salários de R$ 90 mil ao jogador. No clube, comenta-se que a contraproposta foi fora da realidade: R$ 300 mil por mês, sendo que os vencimentos atuais estão perto dos R$ 50 mil.

- Da nossa parte está tudo tranquilo (sobre salários) - concluiu o representante, sem entrar em detalhes.