icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/02/2015
12:43

O Barcelona já começa a se mover para contratar o francês Paul Pogba, da Juventus. O clube já fez chegar no empresário do volante, Mino Raiola, o interesse na contratação. E a transferência, além do ganho técnico considerável no meio de campo do time, também tem viés político. O presidente Josep María Bartomeu quer continuar como presidente e precisa de um chamariz para vencer o concorrente Joan Laporta. E o jogador seria um grande trunfo, segundo o jornal "Marca".

A contratação só seria selada nos moldes que serão propostos pelo Barcelona. Como não podem inscrever nenhum jogador na janela de transferências de agosto, os Culés têm duas opções mais plausíveis para chegar a um acordo por Pogba.

E MAIS
- Lucas faz cirurgia na coxa e desfalca o PSG no duelo decisivo com o Chelsea
- Diretor do Feyenoord diz que foi 'coincidência' banana cair perto de Gervinho

A primeira, mais provável, é convencer o clube de Pogba, a Juventus, a ficar com o jogador por mais seis meses, até que o Barça volte a ter o direito de inscrição de novos atletas, em janeiro de 2016. Para isso, os catalães ativariam no contrato a 'cláusula Champions', para que ele não atue pela Velha Senhora na competição e fique impedido de jogar também pelo clube espanhol. A outra seria deixar o francês apenas treinando por seis meses, o que o deixaria sem ritmo de jogo por um bom tempo.


Presidente do Barça, Bartomeu tenta a reeleição (Foto: Miguel Ruiz/ AFP)

A cessão por seis poderia baratear um pouco a operação, que pode girar em torno de 75 milhões de euros (R$ 241 milhões), valor que os dirigentes da Juventus sinalizaram como suficientes para iniciarem qualquer tipo de negociação pelo volante.

Bartomeu tem a ideia de fechar a contratação do jogador até o fim desta temporada para que o negócio sirva como a base eleitoral para o pleito do Barcelona no meio do ano, assim como fez o seu concorrente Laporta com Ronaldinho Gaúcho.