icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/06/2014
09:34

O Internacional manifestou seu pesar e lamentou a morte do ídolo Fernandão, que aconteceu na madrugada deste sábado, em acidente de helicóptero em Aruanã, em Goiânia. Um dos maiores ídolos da história do clube gaúcho foi lembrado por suas glórias em nota oficial lançada na manhã deste sábado e lembrou suas glórias e títulos.

Capitão na conquista da Libertadores de 2006, a primeira do Colorado, e do Mundial, no Japão, Fernando Lúcio da Costa, de 36 anos, estreou no clube gaúcho marcando o gol mil dos Gre-Nais, em 2004.

Confira a nota oficial:

"O Sport Club Internacional e a nação colorada estão de luto. Fernando Lúcio da Costa, o Fernandão, perdeu a vida em um acidente de helicóptero ocorrido na madrugada deste sábado (7/6) em Aruanã-GO.

O momento é de profundo pesar pela partida prematura do ídolo de 36 anos, mas o que fica são lembranças gloriosas de um atacante que honrou a camisa do Internacional com seu espírito de liderança, sendo um dos jogadores mais importantes dos 105 anos do Clube.

Fernandão atuou em 190 partidas e marcou 77 gols – o primeiro deles, logo na sua estreia, em 2004, foi o de número 1000 da história do Gre-Nal. Nascido em Goiânia, mas plenamente identificado com Porto Alegre, foi o capitão do time nas inesquecíveis conquistas da Libertadores da América e do Mundial FIFA, ambas em 2006, e também desempenhou no Colorado as funções de diretor técnico, em 2011, e de treinador, em 2012. Os títulos do Gauchão (2005 e 2008) e da Recopa (2007) também fazem parte da sua trajetória.

O Clube do Povo se solidariza com a família e com todos os fãs de Fernandão. Força!"