icons.title signature.placeholder Eduardo Moura
13/06/2014
19:32

Depois da forte chuva que caiu nesta sexta-feira estragar as homenagens dos colorados para Fernandão, o Internacional divulgou em seu site oficial que irá reservar um lugar para que os torcedores possam fazer homenagens para o ídolo após a Copa do Mundo. Segundo o clube gaúcho, o Comitê Organizador Local impediu a colocação de uma estrutura de proteção.

Em contato com o LANCE!Net, o gerente-executivo do COL, Paulão, campeão olímpico de vôlei em Barcelona, negou esta situação. Afirmou que o Inter entrou em contato para que um toldo fosse instalado no local. Respondeu que seria analisado e que foi concedido a possibilidade de tapar o memorial criado. E também lembrou que o local estava dentro da proteção com grades do estádio, que foi retirada naquela parte.

- Existe um paredão onde os torcedores fazem homenagens, o santuário do Fernandão. O perímetro de segurança passaria ali, e nós cortamos a grade. O Inter entrou em contato para colocar um toldo. Em nenhum momento nós colocamos algum impeditivo. Eu conhecia o Fernandão, era meu amigo. Imagina se alguém seria contra - disse Paulão ao L!Net.

O clube gaúcho afirma em seu site que o COL "não permitiu nenhuma intervenção no espaço". Os dirigentes colorados prometem que um espaço de homenagens será criado e inaugurado no dia 16 de agosto, após a Copa do Mundo, para que os torcedores possam deixar suas homenagens novamente a Fernandão.

Conforme mostrou o LANCE!Net nesta sexta-feira, o local passou a ter o material deixado pelos torcedores danificado, por conta da forte chuva na capital gaúcha. Os colorados passaram a peregrinar ao local após a morte do ex-jogador, no último sábado, e criaram espontâneamente uma espécie de santuário. O eterno capitão colorado morreu aos 36 anos, em um acidente de helicóptero.