icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/12/2013
09:32

O Internacional chegou ao quarto jogo consecutivo sem vencer com o empate contra o Corinthians, no Pacaembu, neste sábado. Apesar do ponto ganho, o Colorado ainda corre riscos de rebaixamento. No entanto, isso pode acabar ainda neste domingo.

A possibilidade de queda é muito remota. O clube gaúcho precisa de um entre três resultados paralelos para não ser rebaixado: o Coritiba não vencer o Botafogo, o Criciúma perder para o São Paulo e o Vasco não vencer o Náutico - este último uma possibilidade mais difícil de acontecer.

- São 14 empates no Brasileiro, tivemos dificuldades na questão tática. Vimos o Inter bem posicionado, vem de duas ou três partidas, uma equipe compacta, atleta sabendo sua função, sabendo o que tem que fazer. No primeiro tempo, se alguém merecesse a vitória, era o Inter. O ponto foi importante para o encerramento do campeonato - comentou o presidente Giovanni Luigi.

Segundo time que mais empatou no Brasileiro - só perde para o Corinthians, rival do sábado, com 17 - o Colorado vem em uma sequência ruim na competição. Empatou os últimos dois jogos em 0 a 0 - antes, perdeu para Atlético-MG e Goiás -, e não vence desde o dia 10 de novembro, no 2 a 1 sobre o Botafogo, no Centenário. Mas como a Ponte Preta chega já rebaixada e envolvida na final da Copa Sul-Americana, terá uma rodada derradeira mais tranquila diante de seu torcedor.

O Inter retorna a Porto Alegre na manhã deste domingo. O desembarque colorado está previsto para as 9h30 no Aeroporto Internacional Salgado Filho. A reapresentação acontece na manhã de segunda-feira, no Centro de Treinamentos do Parque Gigante.