icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/03/2014
18:12

Luciano vive um início avassalador no Corinthians, mas nem assim deixa a timidez de lado. Nesta quinta-feira, o atacante de 20 anos concedeu sua primeira entrevista coletiva, no dia seguinte à vitória por 4 a 0 sobre o Linense - ele fez dois gols, além dos dois que já havia feito em sua estreia efetiva, na quarta passada, na vitória por 3 a 0 sobre o Comercial. Antes, ele atuou apenas um minuto diante do Rio Claro, no Pacaembu. 

O primeiro "pedido" para a assessoria do clube foi não falar na sala de imprensa. A entrevista aconteceu na beira do campo, em um ambiente mais informal. Depois, disse que os assessores o intimidavam ao observar a entrevista.

- Estou com um pouquinho de vergonha, mas vamos nos acostumando - disse o atacante, ex-Avaí.

Na semana passada, a assessoria de imprensa havia vetado sua presença nas coletivas a fim de blindá-lo. Desta vez, no entanto, não teve jeito. Após dois gols, ele foi o escolhido para falar.

- É um momento único, muito gratiifcante estar vestindo a camisa do Corinthians. Estou iluminado e fiz quatro gols em dois jogos. Espero continuar na mesma pegada - afirmou.

Depois de escalá-lo como titular no lugar de Guerrero, o técnico Mano Menezes afirmou que será difícil não mantê-lo para o clássico contra o São Paulo, até para aproveitar a boa fase.

- Estou trabalhando. É um clássico, todo jogador quer jogar. Vou me preparar ao máximo para fazer o melhor e sair com os três pontos. Espero fazer muito mais gols com a camisa do Corinthians - disse o atacante.

Formado nas categorias de base do Avaí, ele ainda disse que seu exemplo maior atualmente é Neymar e que se inspirava em Ronaldinho Gaúcho na infância.

- Quando pequeno, eu me espelhava no Ronaldinho Gaúcho, é um excelente jogador. Estou vivendo esse bom momento, e se Deus quiser espero poder jogar o que ele jogava - disse o atacante sensação do Timão.

Matador! Luciano comenta excelente fase no Corinthians