icons.title signature.placeholder Carlos Antunes
31/07/2014
12:13

Com 17 vitórias e nenhuma derrota na carreira, Thomas Almeida trilhou seu caminho de conquistas no MMA visando chegar ao UFC. Na última semana, o lutador finalmente teve a notícia que tanto esperava e se juntou aos amigos e colegas de academia Charles do Bronx, Felipe Sertanejo e Lucas Mineiro, com o anúncio oficial da sua contratação junto ao Ultimate. 

Em entrevista ao LANCE!Net, Thominhas revelou ter uma grande inspiração na entrada ao maior evento de lutas do mundo. Trata-se de Edson Barboza, que tem oito vitórias e apenas duas derrotas na organização. Para o paulista, os dois têm histórias semelhantes. Além do compatriota, fez questão de elogiar o atual campeão dos pesos pesados.

- Gosto muito do Cain Velasquez e também do Edson Barboza. O Velasquez tem um gás excelente, uma trocação forte e é muito completo. Eu e o Edson temos caminhos parecidos.Começamos novos no muay thai e depois migramos para o MMA, até chegar ao UFC. Acho ele um grande lutador, sempre com golpes incríveis - disse, ao L!Net.

Com o contrato assinado com o Ultimate, agora resta a saber quando será a grande estreia. No que depender do lutador ela acontece dia 25 de outubro, no UFC 179, Rio de Janeiro, no ginásio do Maracanãzinho.

Thomas Almeida tem 17 vitórias e nenhuma derrota na carreira (FOTO: Divulgação)

- Ainda não tenho nada fechado. Acredito que em setembro ou outubro deva estar estreando. Acho que o evento do Rio, em outubro seria bem legal. Tem a defesa de cinturão do José Aldo e será um show bem grande, além de ser a estreia do Maracanãzinho no UFC - afirmou.

Confira o bate-papo:
Como foi receber a notícia que estava contratado pelo UFC?
Foi uma emoção muito grande. Trabalhei esses anos todos para isso e chegar lá foi a realização de uma parte do meu sonho. Para completar, tenho que trabalhar muito, mas estou focado nisso e ainda chego lá.

Tem algum lutador em mente?
Estou chegando agora, não tem como pedir ninguém ainda. Só penso em mostrar meu valor no Ultimate. Contra quem eles me botarem, vou fazer meu trabalho para ser reconhecido. Agora vou estar entre os melhores, então farei o que sempre fiz e sem o peso de estar no maior evento de lutas do mundo.

Seus amigos e colegas da Chute Boxe Lucas Mineiro e Felipe Sertanejo estrearam em categorias que não eram as suas. E você?
Vou estrear na minha categoria mesmo, que é nos galos. É nessa categoria que me sinto bem e continuarei nela. Já cheguei a atuar nos penas, mas decidi descer e meachei. Perco bastante peso e acho que não tem como baixar mais do que isso.